Sexta-feira, 17 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

JORNAL DE DEBATES > FUTEBOL & FILOLOGIA

‘Mannschaft’ é mais do que equipe

Por Alberto Dines em 13/07/2014 na edição 806

Alguns jornalistas procuraram saber o que significava Mannschaft, que os jogadores alemães e, sobretudo, seu técnico, empregavam com tanta frequência nas declarações.

Tradução literal, imediata: equipe. Mas o idioma alemão é cheio de nuances, sutilezas e sugestões: Mann significa homem (ok, parece com o inglês). E o sufixo schaft?

O que Mannschaft tem a ver com Gemeinschaft, comunidade e Gesellschaft, sociedade ?

Schaft isoladamente seria eixo, porém como complemento de um substantivo vale como coletivo de ação, de coisa, relativo a uma condição, configuração. E criação, pois o verbo schaffen significa criação. Mannschaft é criação coletiva de um pequeno grupo de seres humanos empenhados na mesma ação.

Gemein+schaft, comunidade, tem por base o adjetivo gemein, comum, igual, compartilhado. Algo criado por iguais, semelhantes, entidade maior.

Gesell+schaft, sociedade, parte da raiz gesellen ou gesellig, associar-se; associação é, portanto, criação de um grupo organizado para uma tarefa de maior porte. É o que a nossa inclinação para redundâncias designa como sociedade organizada.

Foi o sociólogo alemão Ferdinand Tönnies (1855-1936) quem primeiro estudou esses dois tipos de agrupamentos: o instintivo e o organizado para o bem público. Presidente da Sociedade Alemã de Sociologia, Tönnies foi destituído do cargo quando os nazistas tomaram o poder (1933). Para eles tudo era Volk, povo, entidade mística, conduzida por um onipotente Führer.

Palavrinha mágica

O sofisticado Joachim Löw, técnico da seleção alemã que nas mídias sociais e também no rádio e na TV era gozado pelo cuidado com o cabelo, deu uma importante contribuição ao trabalho de Tönnies ao insistir na Mannschaft, criação coletiva de um terceiro grupo, bem menor, que não veio para vencer. Veio para jogar, spielen, que também significa brincar, divertir-se, personificar (no teatro).

O triunfo dos nossos carrascos e também dos hermanos, franceses, portugueses, americanos, argelinos (só empataram com os ganenses) é um triunfo da criação coletiva onde todos fazem tudo, onde não há diferença entre o banco de reserva e os titulares e onde as estrelas se equivalem aos asteroides, novatos.

Mannschaft é um grupo humano que não necessita rezar, persignar-se ou levantar as mãos para o céu, apenas junta a sua humanidade. Tipo da palavrinha que explica muita coisa [com os agradecimentos à jornalista e tradutora Kristina Michahelles].

Leia também

A queda da Bastilha – A.D.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem