Domingo, 23 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

JORNAL DE DEBATES > VENEZUELA

Ministro pede demissão após decisão controversa

28/05/2008 na edição 487

O ministro da Informação da Venezuela, Andres Izarra, anunciou na terça-feira (27/5), em um breve comunicado à imprensa, seu pedido de demissão. Izarra afirmou que entregaria o cargo por ter tomado sozinho, sem consultar o presidente Hugo Chávez, a decisão de obrigar as emissoras de TV privadas do país a pagar por imagens de eventos e discursos oficiais.


Executivos da indústria televisiva ficaram revoltados com o anúncio, no início do dia, de que a Venezolana de Television (VTV), principal canal estatal da Venezuela, passaria a cobrar o equivalente a R$ 335 mil por hora pelo direito à retransmissão de imagens de Chávez em eventos oficiais. Emissoras privadas já avisaram que tentarão reverter a medida judicialmente.


‘A Venezolana de Television é uma companhia que pertence a todos os venezuelanos, e por isso seus serviços deveriam ser disponibilizados a todos os venezuelanos’, afirmou Marcel Granier, diretor da Radio Caracas Television (RCTV) – emissora privada que, há um ano, não teve renovada sua concessão de funcionamento. Hoje, a RCTV funciona apenas via cabo. Informações da AP [27/5/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem