Terça-feira, 21 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

JORNAL DE DEBATES > PAUL KLEBNIKOV

Prêmio homenageia jornalista assassinado

25/10/2005 na edição 352

Amigos e colegas do jornalista americano Paul Klebnikov, assassinado na Rússia em 2004, criaram uma premiação em sua homenagem. O primeiro Prêmio Paul Klebnikov por Coragem no Jornalismo foi entregue à russa Diana Kachalova, editora-chefe da revista semanal Moi Rayon, em São Petesburgo. O Fundo Paul Klebnikov, responsável pela premiação, declarou que a publicação independente e privada é um avanço para a Rússia, com um jornalismo objetivo e corajoso.

Klebnikov, editor da edição russa da revista Forbes, foi morto em frente a seu escritório. Ele havia escrito diversas reportagens sobre a privatização de companhias russas na década de 90 e é autor de um livro crítico ao bilionário Boris Berezovsky.

Pouco antes de sua morte, o jornalista havia terminado um livro de entrevistas com o ex-líder separatista checheno Khozh Akhmed Nukhayev. Em julho deste ano, autoridades russas afirmaram que o assassinato de Klebnikov foi ordenado por um líder rebelde checheno, mas pessoas próximas a ele expressaram dúvidas quanto a esta teoria. Informações do Mosnews [20/10/05].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem