Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

JORNAL DE DEBATES > UOL

Tereza Rangel

08/07/2008 na edição 493

‘A função de ombudsman está completando um ano no UOL. Foi um período de implementação do cargo. Ao longo desses meses, muitos me perguntaram o que eu esperava dessa experiência. Dizia que meu objetivo maior era conduzir o mandato de forma a que internautas e todos no UOL vissem algum sentido na função e que houvesse intenção em mantê-la ao longo do tempo, de forma a que o ombudsmanato do UOL se transformasse numa instituição.

O número de e-mails indica que houve interesse dos internautas. Até o dia 30 de junho, cerca de 13 mil e-mails foram enviados à caixa postal da ombudsman. A maioria ainda referente a problemas relativos a assinaturas. Houve 4.442 manifestações sobre o conteúdo (no sentido mais amplo) do portal, tratadas pessoalmente por mim. As áreas que receberam mais críticas e/ou comentários foram: Home Page, Esporte, Últimas Notícias e Publicidade. Houve muito e-mail de agradecimento às respostas da ombudsman e de críticas gerais ao portal. Houve, também, 1.538 comentários aprovados no blog, quase sempre relativos ao conteúdo do portal. Quem quiser ver os números completos pode baixar o arquivo em PowerPoint (cerca 7 MB) ou a versão compactada (6,5 MB).

Esses 12 meses foram, para mim, uma jornada rica, em que aprendi a ouvir o internauta e respeitar seus questionamentos. É muito interessante ver o portal por outra perspectiva, que não a de quem está dentro, produzindo o conteúdo. Foi um período de muito desconforto, também, pela própria natureza do trabalho e pelas reações que ele provoca. Foi ainda um ano de frustrações, porque não consegui convencer a direção a dar mais visibilidade ao blog. Defendi a tese (que nem é minha) de que o fortalecimento de um ombudsman de mídia se dá pelo espaço destacado que tem no veículo em que trabalha, de modo a que fale para um público muito maior do que o que lhe consulta. Principalmente pelo desconforto, nem dei a chance de o UOL me convidar para um segundo período no cargo. Encerro hoje meu mandato. Em breve, o nome do novo ombudsman (ou nova ombudsman) deve ser divulgado pelo portal.

É hora de revelar minha gratidão aos internautas que trouxeram seus questionamentos, por e-mail ou por intermédio do blog, e me desculpar publicamente por não conseguir atender de forma satisfatória a 100% das queixas, sugestões e comentários. Agradeço à direção do UOL, em particular a Márion Strecker, diretora de Conteúdo, pela confiança e pelo rigoroso cumprimento do trato de me deixar livre para escrever (ou não) sobre o que eu quissesse. Se errei na mão ou me calei, a responsabilidade é minha. Muito, muito obrigada à turma da Central de Relacionamento, que se mobilizou para me dar apoio e assumir a tarefa de responder aos questionamentos fora de minha área de atuação, como problemas com cobrança ou alterações cadastrais. Não teria sobrevivido este ano sem as conversas de estímulo de Myrian Naime (diretora de Relacionamento com Clientes) e o apoio de meu anjo da guarda titular na central, Zoraia Ajeje Fernandes.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem