Quinta-feira, 24 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

MEMóRIA > VERA SASTRE (1945-2012)

Jornalista do Sol e da boemia do Leblon

Por OG em 16/10/2012 na edição 716
Reproduzido de O Globo, 11/10/2012

Nascida em janeiro de 1945 em Laranjeiras, Vera Sastre passou grande parte da vida no Leblon, onde frequentava a Cobal, com outros boêmios do bairro como o jornalista Tarso de Castro, com quem trabalhou em vários projetos editoriais como Jornal Amenidades, Revista Caretas e o jornal O Nacional. Ela começou a carreira no Última Hora e depois foi para o jornal O Sol, criado em 1967 por Reynaldo Jardim com uma proposta revolucionária, de resistência ao regime militar. A experiência do veículo foi tema do documentário “O Sol caminhando contra o vento”, de Tetê Moraes, no qual Vera foi personagem e trabalhou como pesquisadora.

Depois de trabalhar no Sol, ela integrou a equipe de veículos como Tribuna da Imprensa, Manchete, O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil, Veja, Contigo, Caras e O Globo. Nos últimos anos, fazia a curadoria de editais de cultura de empresas privadas. Ela morreu de câncer e deixa uma filha, Candida. O sepultamento será hoje às 13h, no Cemitério de São Francisco Xavier, no Caju.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem