Quinta-feira, 27 de Junho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1043
Menu

MEMóRIA > Alberto Dines

Dines está vivo nos projetos que fomentou

Por Carlos Eduardo Lins da Silva em 28/05/2019 na edição 1039

Na noite de 6 para 7 de maio, três semanas atrás, eu tive um sonho em que Dines aparecia. Não aconteceu muitas vezes comigo desde que ele se foi, faz um ano. No sonho, eu e ele conversávamos animadamente, como era corriqueiro fazermos, a respeito de alguns assuntos que tinham a ver com jornalismo. Até que eu o interrompi e perguntei: “Mas, Dines, o que você tanto fala? Você não morreu?” Aí, o sonho foi interrompido. Não chegou a incluir uma resposta dele.

No dia 8 de maio, fui à cerimônia de credenciamento dos primeiros veículos a se incorporarem ao Projeto Credibilidade, capítulo brasileiro do Trust Project, que elabora estratégias digitais para que os pilares básicos do jornalismo sejam cumpridos: servir à sociedade com relatos confiáveis, inteligentes e tangíveis, e que aqui é liderado pelo Projor, a entidade que Dines criou e que, graças à liderança e competência de Angela Pimenta e seu time, está mais firme do que nunca.

E ali estava a resposta à pergunta que fiz a Dines no meu sonho: não, Dines não morreu. Ele estava vivo em todos os depoimentos dos representantes dos veículos que se vincularam ao consórcio e, acima de tudo, Dines continua vivo no Projor e no Observatório da Imprensa, que seus sucessores mantêm atuantes, com a dedicação, o idealismo, a competência que ele lhes transmitiu.

Parabéns a todos vocês do Projor e do Observatório por mais este ano de vida de Alberto Dines. Parabéns a vocês e a ele. Muitos anos de vida a todos.

***

Carlos Eduardo Lins da Silva é livre-docente, doutor e mestre em comunicação; foi diretor-adjunto da Folha de S.Paulo e do Valor.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem