Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

MONITOR DA IMPRENSA > ANTHONY BOURDAIN

Chef celebridade é nova aposta da CNN

12/06/2012 na edição 698
Tradução: Larriza Thurler (edição de Leticia Nunes)

O chef celebridade Anthony Bourdain, autor de bestsellers e vencedor do Emmy, irá se juntar à rede de notícias CNN como apresentador de um novo programa de final de semana, sobre gastronomia a turismo. O anúncio foi feito pelo vice-presidente da CNN Worldwide, Mark Whitaker. “Por mais de uma década, Anthony Bourdain vem sendo um pioneiro em educar americanos sobre diferentes culinárias e culturas pelo mundo, assim como um comentarista sobre tendências sociais que vão desde o aumento de chefs celebridade ao impacto das cadeias de fast food para a disseminação do vegetarianismo e do veganismo”, disse.

Bourdain já apresenta um programa de culinária e viagens, o No Reservations, no Travel Channel, que encerrará sua oitava temporada. “Há 11 anos, eu estava diante de uma grande frigideira. Fiquei surpreso e lisonjeado que uma organização de notícias tenha se interessado em fazer um programa comigo”, afirmou.

O convite, que surpreendeu o chef, faz parte dos planos da CNN de inovar para tentar reverter as constantes quedas de audiência. Em abril, a rede registrou os índices mais baixos dos últimos dez anos. A emissora ainda dá lucro – especula-se que este ano a receita operacional fique em torno de US$ 600 milhões. Mas nada – nem a carona de um ano eleitoral ou a substituição do veterano entrevistador Larry King pelo jornalista britânico Piers Morgan – alterou a audiência. E corre o risco de a CNN se transformar em uma emissora de nicho.

Whitaker trabalha para a diminuição da dependência da rede na política – tema em que sofre forte concorrência de rivais bem mais partidários, como Fox News e MSNBC. Ele começou a negociar a ida de Bourdain para a CNN em março, na crença de que a propensão do chef por viajar para lugares considerados exóticos pelo público americano, como Tailândia ou Arábia Saudita, encaixava-se bem nas credenciais internacionais da rede.

Celebridade mundial

O programa de Bourdain deve ser lançado no começo de 2013, e será exibido em horário nobre no domingo, com reprise no sábado seguinte – diferenciando-se da cobertura tradicional de notícias dos dias de semana. O chef também fará comentários em outros programas e plataformas da CNN, dando opiniões sobre eventos atuais e debates sobre comida, saúde e cultura. “Estou ansioso para começar”, comentou ele. Bourdain e sua produtora, a Zero Point Zero, já ganharam prêmios Emmy – a maior premiação da TV americana – por programas no Haiti e no Laos, e a equipe também concorreu ao Emmy por um episódio filmado em Beirute durante o conflito de 2006 entre Israel e o Hezbollah.

Bourdain ficou conhecido pelo grande público em 2000, com seu livro Cozinha Confidencial, em que expunha os bastidores das cozinhas de restaurantes finos de Manhattan – que ele descreve como lugares intensos, muitas vezes desagradáveis e nada indicados para amadores. Mas rapidamente se livrou da caricatura de bad boy e se tornou uma raridade no mundinho dos chefs celebridade: conhece comida, mas é bem mais interessado nos ingredientes humanos por trás da cozinha do que nas receitas propriamente ditas. Ele tampouco segue as convenções televisivas, em geral falando palavrões para expressar alegria ou desgosto e quase sempre andando com uma garrafa de cerveja na mão. Bourdain também é um dos roteiristas da série de TV Treme, da HBO, colaborador da revista Lucky Peach e autor de 10 livros. Com informações da CNN [29/5/12] e de David Carr [The New York Times, 4/6/12].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem