Sábado, 26 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

MONITOR DA IMPRENSA > GIGANTE DE BUSCAS

Google ameaça excluir sites de mídia franceses de seus resultados

23/10/2012 na edição 717
Tradução e edição: Larriza Thurler

Em mais um confronto com governos europeus, o Google alertou que poderia excluir sites de mídia franceses de seus resultados de busca caso a França adote uma lei que obrigue ferramentas de busca a pagar por conteúdo. A gigante de buscas enviou uma carta a diversos ministérios franceses afirmando que “não poderia aceitar” tal atitude e que a empresa, como consequência, “iria requerer não ter fazer mais referências a sites franceses”.

O governo de François Hollande, que está aberto a ajudar empresas de mídia em crise, alertou o Google de que ele não deveria ameaçar governos democráticos. Mas a empresa disse que uma lei que requer que ela faça pagamentos a sites e mídia por exibir links para seus conteúdos “ameaçaria a sua própria existência”. O Google também informou que “redireciona quatro bilhões de cliques por mês para páginas da mídia francesa”. A mídia tem, entretanto, dificuldades em se beneficiar do tráfego do Google, na medida em que leitores online resistem a pagar pelo acesso quando há muito conteúdo de graça na internet.

No mês passado, jornais franceses pediram ao governo a adoção de uma lei que imponha um acordo na longa disputa com o Google, forçando-o a compartilhar parte de sua receita publicitária de buscas para notícias de seus sites. O pedido foi feito após o governo alemão ter aprovado, em agosto, uma proposta de lei que forçaria ferramentas de busca a pagar taxas para sites de mídia alemães. Informações da Agence France Presse [19/10/12].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem