Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº975

MONITOR DA IMPRENSA > GRÉCIA

Editor preso por divulgar lista de contas na Suíça

30/10/2012 na edição 718
Tradução e edição: Larriza Thurler

A polícia grega prendeu Costa Vaxevanis, editor da revista semanal Hot Doc, por ter publicado uma lista de mais de dois mil nomes de gregos ricos que depositaram dinheiro em contas bancárias na Suíça, noticia Lefteris Papadimas [Reuters, 27/10/12]. A chamada “Lista Lagarde” – dada à Grécia por autoridades francesas em 2010 com nomes para serem investigados por possível evasão de taxas – vem sendo tema de especulação na mídia grega. O nome refere-se à Christine Lagarde, presidente do FMI que era ministra das Finanças na França quando a lista foi entregue. A lista ganhou atenção na Grécia, que passa por uma crise severa.

AHot Doc publicou, na semana passada, a lista com 2.059 nomes, incluindo de algumas personalidades da política e de negócios. A revista disse que recebeu a lista de maneira anônima. Autoridades não confirmaram se ela é autêntica. Um promotor ordenou a prisão do editor por ter violado leis sobre divulgação de dados confidenciais. Ele foi preso no sábado (27/10) e solto posteriormente, enquanto espera julgamento, após se apresentar a um promotor. “Não há provas que as pessoas ou empresas incluídas na lista violaram a lei. Não há evidências que evasão de taxas ou lavagem de dinheiro”, disse um policial.

O jornalista defende-se. “Não fiz além daquilo que um jornalista é obrigado a fazer. Revelei a verdade que estava sendo escondida”, disse, em um vídeo enviado à Reuters. “Se alguém é responsável perante a lei são os ministros que fizeram a lista, perderam-na e dizem que ela não existe. Apenas fiz o meu trabalho como jornalista. O mais importante é que um grupo de pessoas – quando a Grécia está passando fome – lucram e tentam criar uma Grécia do modo como querem. Amanhã, no Parlamento, eles votarão para cortar de 100 a 200 euros (entre R$ 262 a R$ 524) no pagamento do funcionário público ao mesmo tempo em que mais de duas mil pessoas dessa lista parecem estar deixando de pagar imposto ao mandar dinheiro para a Suíça”.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem