Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

MONITOR DA IMPRENSA > SEM ANÚNCIOS

YouTube analisa cobrança de assinaturas

04/11/2014 na edição 823
Tradução: Pedro Nabuco, edição de Leticia Nunes. Informações de Alistair Barr e Rolfe Winkler [“YouTube Considers Paid, Ad-Free Subscriptions”, Wall Street Journal, 28/10/14]

O YouTube analisa a possibilidade de lançar um sistema de assinatura em que o usuário pagaria uma taxa mensal para assistir a vídeos sem a presença de anúncios publicitários. O projeto é tocado por Susan Wojcicki, executiva do Google que passou anos no setor de publicidade da empresa e assumiu o comando do YouTube no início de 2014. Desde então, ela busca novas maneiras de gerar receita e lucros para o site.

De acordo com Susan, uma versão paga – e sem anúncios – do serviço funcionaria bem num mundo onde cada vez mais pessoas assistem a vídeos através de aplicativos nos seus aparelhos móveis. “É um modelo interessante porque oferece aos usuários opções. Nós estamos pensando em como dar a eles essas opções”.

Há cerca de um ano, o YouTube permitiu que os provedores de conteúdo criassem seus próprios canais de assinaturas pagas no site. Os canais permitem que os provedores cobrem uma taxa pelo conteúdo oferecido.

Agora, o YouTube começou a abordar parceiros de conteúdo para fazer parte de serviços de assinatura. O site pretende focar em tipos específicos de conteúdo, como serviços de notícias, por exemplo.

O site de compartilhamento de vídeos também pretende lançar um serviço de assinatura voltado a clipes de música: ao pagar um determinado valor, o usuário poderia assistir aos clipes sem ser obrigado a ver anúncios antes. Ainda não há previsão, no entanto, para este serviço, já que a dificuldade na negociação com selos de música independentes está atrasando os planos da empresa.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem