Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

ENTRE ASPAS > POLÍTICA NOS EUA

Após escândalo, democrata deve ganhar filme

20/07/2010 na edição 599

Aaron Sorkin, criador da série de TV americana The West Wing, que mostrava os bastidores da Casa Branca, planeja fazer um filme sobre o democrata John Edwards, que, nos últimos dois anos, além de perder a chance de disputar a presidência dos EUA, teve sua imagem arranhada por um escândalo pessoal. Bonitão e pai de família tradicional, Edwards viu seu caso extraconjugal nas páginas dos jornais enquanto sua mulher, Elizabeth, enfrentava um câncer.

Sorkin comprou os direitos do livro de longo título The Politician: An Insiders Account of John Edwards Pursuit of the Presidency and the Scandal That Brought Him Down (O Político: um relato da busca de John Edwards pela presidência e o escândalo que o derrubou, tradução livre), escrito por Andrew Young, ex-assessor de Edwards. O livro conta como o político manteve um caso com Rielle Hunter, que trabalhava em sua campanha e com quem teve uma filha, enquanto tentava escondê-lo durante a disputa pela nomeação como candidato à presidência pelo Partido Democrata. Edwards e Elizabeth se separaran após 32 de casamento, e apenas este ano ele reconheceu a paternidade da filha de Rielle.

A notícia do plano para fazer o filme – seria a estreia do roteirista Sorkin na direção – deu início na blogosfera política americana a um debate sobre quem interpretaria os personagens. O Washington Post sugeriu Tom Cruise para o papel de Edwards – ambos são conhecidos por seus ‘sorrisos brilhantes’.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem