Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

ENTRE ASPAS > WALL STREET JOURNAL

Banco pede investigação por “informação errada”

Por lgarcia em 15/09/2011 na edição 659

O BNP Paribas, maior banco da França, solicitou à Autorité des Marchés Financiers, órgão regulador do mercado financeiro francês, a abertura de um inquérito por conta de uma coluna de opinião publicada no jornal americano Wall Street Journal que conteria “informações incorretas” sobre ele.

O artigo publicado na terça-feira, 13, assinado por Nicolas Lecaussin, diretor do Instituto para Pesquisa Econômica e Fiscal da França, citava um executivo do BNP (não identificado) afirmando que o banco não tem mais liquidez em dólares. Em nota oficial, o BNP – que se classificou como “um dos bancos mais sólidos do mundo” – argumentou que seus negócios seguem normalmente.

As ações do BNP Paribas chegaram a cair 12% na terça-feira – e muitos traders atribuíram a queda à coluna de Lecaussin. Mas as ações acabaram fechando o dia com alta de 7,2%. No início da semana, a agência de classificação de risco Moody’s rebaixou dois bancos franceses – o Crédit Agricole e o Société Générale – e manteve o BNP Paribas em status de revisão. Com informações do WSJ [13/9/11].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem