Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1009
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Campanha democrata cobra caro por lugar em festa

24/10/2008 na edição 508

A campanha do democrata Barack Obama decidiu cobrar pelo espaço reservado à imprensa na festa do partido na noite da eleição. Os preços para a cobertura do evento vão de US$ 410 a US$ 1.870 – dependendo do lugar escolhido e de mimos como acesso a telefone e internet. Ainda que organizações de mídia costumem pagar pelas despesas de seus repórteres durante a cobertura de uma campanha presidencial, incluindo transporte, hotéis e serviço de internet, algumas começam a questionar as ações da campanha de Obama. Segundo o professor Al Tompkins, do Instituto Poynter, na Flórida, os democratas parecem estar cobrando ingressos dos jornalistas.


Segundo a campanha, não se trata de uma cobrança pela cobertura, mas sim pelos serviços oferecidos pela organização do evento. Taxas deste tipo são ‘procedimento padrão’ em campanhas presidenciais, defendem os democratas. Pelo preço mais alto, uma companhia de notícias pode comprar espaço em uma plataforma central, com toldo, acesso a telefone e internet; pelo mais baixo, um espaço em uma plataforma separada para fotógrafos, sem internet ou telefone, mas com direito a tomadas. Um lugar no centro de imprensa, com calefação, custa US$ 936 e inclui tomadas, internet, TV a cabo e comida. Como o evento será em um parque, e o clima em Chicago pode ser bem frio em novembro, aquecimento e lugar coberto são ofertas atrativas. Informações de Deanna Bellandi [Associated Press, 22/10/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem