Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1016
Menu

ENTRE ASPAS >

Cinco presos por seqüestro de estrangeiros

02/12/2008 na edição 514

Forças de segurança somalis prenderam cinco homens pelo seqüestro, na semana passada, de quatro jornalistas na cidade de Bosasso. Dois jornalistas são somalis, um é britânico e o quarto, espanhol. Eles foram levados por homens armados na quarta-feira (26/11) quando apuravam o aumento de atividade pirata na costa do país. Bosasso é o principal porto da província semi-autônoma de Puntlândia. Segundo o governador Muse Gelle Yusuf, os cinco presos têm ligação com os seqüestradores. ‘Nós enviamos tropas para salvar os jornalistas’, afirmou.

Nas últimas três semanas, a Somália tem sido inundada por conflitos civis. Enquanto o governo luta contra a insurgência islâmica, cresce a pirataria em águas somalis. Os piratas seqüestram navios e os levam para Puntlândia para esperar o pagamento de resgate. O país também é um dos mais perigosos para jornalistas e profissionais de organizações humanitárias, que se tornaram alvo de seqüestros e assassinatos. São poucos os jornalistas estrangeiros que se aventuram em território somali, deixando a apuração de matérias para repórteres locais; os que o fazem, costumam contratar milicianos para protegê-los. Informações da Reuters [30/11/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem