Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1009
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

CNN desiste de noticiário online ao vivo

17/11/2009 na edição 564

Na semana passada, a CNN demitiu quatro âncoras de seu site e informou que parou de produzir o noticiário ao vivo para a CNN.com, colocando fim ao CNN.com Live, um dos maiores experimentos de jornalismo online da rede americana. A empresa, unidade da Time Warner, anunciou ainda que agora investirá em vídeos on-demand.

O canal na internet foi criado pela CNN em 2005, primeiro como um site para assinantes e então firmando-se no modelo financiado por anunciantes. Internautas tinham acesso a um noticiário ao vivo, apresentado de nove da manhã às sete da noite, com o revezamento dos âncoras. ‘A programação era muito ambiciosa e muito cara’, afirma Andy Plesser, que analisa sites de notícias como produtor executivo do canal online Beet.TV. Este ano, a CNN registrou ganhos substanciais de anúncios de vídeos online, mas os executivos da rede concluíram recentemente que os noticiários online não tinham uma boa relação custo-benefício.

Outras áreas

A partir de agora, apenas vídeos de coletivas de imprensa serão exibidos ao vivo no site. Segundo o gerente geral da página, KC Estenson, a empresa deve destinar mais recursos para os arquivos on-demand e contratar sete novos funcionários para a unidade de produção de vídeo até o final do ano. Em outubro, a rede americana anunciou o relançamento do site para aumentar o foco em vídeo. No começo deste mês, foram feitos investimentos para inaugurar um centro de produção em Abu Dhabi. Informações de Brian Stelter [New York Times, 13/11/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem