Terça-feira, 20 de Novembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1013
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

CNN encara Olimpíadas como ‘operação de guerra’

17/08/2004 na edição 290

A rede de notícias americana CNN deu a seus repórteres esportivos que estão cobrindo os Jogos Olímpicos de Atenas treinamento para atuação em ‘ambientes hostis’. O procedimento, adotado normalmente apenas para os profissionais que cobrem áreas de conflito, foi incluído na cobertura olímpica porque, segundo a direção da emissora, o evento esportivo já não é mais seguro. Paranóica ou não, a orientação da CNN é de que sua equipe se mantenha o mais discreta possível para evitar ser alvo de violência. Foram comprados equipamentos menos chamativos, como mini-câmeras e laptops para edição de vídeo, em substituição ao mar de cabos e caixas prateadas característicos de coberturas desse porte. As informações são do britânico Independent [10/8/04].



Grandes jornais mundiais têm versões em Atenas

A companhia Oce NV anunciou que imprimirá o New York Times na Grécia durante os Jogos Olímpicos de Atenas. O diário se soma a outros 12, entre eles o japonês Asahi Shimbun e o britânico Financial Times, que estão tendo impressão internacional durante o evento esportivo. Segundo a Oce, os jornais transmitirão suas páginas eletronicamente para uma gráfica grega. No caso do Times, as edições dominicais, excepcionalmente, serão enviadas de avião desde os EUA, chegando a Atenas na segunda-feira. As informações são da AP [9/8/04].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem