Domingo, 15 de Setembro de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1054
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Comissão Européia quer Icann independente

23/06/2009 na edição 543

A Comissão Européia pediu ao Icann (Internet Corporation for Assigned Names and Numbers), organização sem fins lucrativos que administra os endereços na internet, que se abra a um maior número de países, atenuando o controle dos EUA sobre o órgão. Atualmente, o Icann opera sob um acordo com o Departamento de Comércio americano, que expira no dia 30/9 deste ano. Com sede na Califórnia, o órgão criado em 1998 fiscaliza os nomes de domínios – como .org ou .edu – e endereços de protocolo de internet que ajudam os computadores a se comunicarem. ‘Na visão da Comissão Européia, futuros acordos de governança da internet devem refletir o papel-chave da rede como algo global’, declarou.

De acordo com a CE, há atualmente 1,5 bilhão de usuários de internet em todo o mundo; destes, 300 milhões estão nos 27 estados-membros da União Européia. ‘O órgão deve se tornar uma organização completamente independente, para toda a comunidade global da internet? Europeus acham que sim e é por isso que vamos batalhar’, afirmou a comissária da sociedade da informação do bloco europeu, Viviane Reding. ‘Peço aos EUA para trabalharem junto à UE para alcançarmos isto’. Informações da AFP [19/6/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem