Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

MONITOR DA IMPRENSA > TV NOS EUA

Disputa entre empresas provoca comoção pré-Oscar

09/03/2010 na edição 580

A disputa entre a companhia de TV a cabo Cablevision e a rede ABC por causa de – surpresa! – dinheiro quase deixa mais de três milhões de assinantes sem o Oscar na noite de domingo (7/3) – o que provocou uma corrida de telespectadores ávidos para arranjar um jeito de assistir à cerimônia. O problema era simples e privado, mas suas consequências o tornaram público até demais. Houve campanha de empresa rival tentando abocanhar assinantes descontentes e interferência de políticos.

A Cablevision reclamava que a Disney, dona da ABC, queria mais 40 milhões de dólares por ano em novas taxas, ainda que já recebesse mais de 200 milhões anuais. Por outro lado, a Disney afirmava que a Cablevision, que atua em Nova York, New Jersey e Connecticut, cobrava 18 dólares por mês de seus assinantes em taxas que não eram repassadas a ela. Foi anunciado, com muito alarde, que se as duas empresas não chegassem a um consenso, o sinal seria cortado no fim de semana. Cerca de 60 políticos ligados a Nova York assinaram uma carta pedindo que a questão fosse resolvida sem o corte do sinal.

O senador John Kerry, presidente do Subcomitê de Comércio para Comunicações, Tecnologia e Internet, afirmou que, apesar das negociações serem privadas, havia um interesse público em jogo. ‘Eu peço que os dois lados continuem as negociações e continuem a transmitir a programação da ABC aos assinantes da Cablevision’, escreveu, ressaltando que não era justo que os consumidores sofressem os danos por conta de uma ‘guerra entre executivos’.

O impasse durou até a noite de sábado (6/3), quando o sinal foi finalmente cortado. Com a cerimônia do Oscar no dia seguinte, houve um aumento na venda de antenas para ‘pegar’ o canal e, para o caso daqueles com aparelhos de TV antigos, na venda de conversores digitais. Mas, bem ao jeitinho de Hollywood, a história teve final feliz. Quinze minutos após o início do Oscar, um comunicado apareceu na parte inferior da tela: Cablevision e ABC haviam chegado a um acordo (que não teve seus termos revelados), e o canal havia retornado imediatamente para todos os assinantes. Com informações da CNBC [3/3/10], New York Times e AP [8/3/10].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem