Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

MONITOR DA IMPRENSA > CANADIAN PRESS

Agência de notícias abastece maior parte dos grupos canadenses

26/06/2012 na edição 700
Tradução e edição: Leticia Nunes

O encolhimento dos veículos de comunicação no Canadá levou o jornalismo no país a uma situação curiosa: hoje, os maiores distribuidores de notícias canadenses têm como principal fornecedora de informações uma única agência, a Canadian Press.

A agência, fundada em 1917 como uma cooperativa sem fins lucrativos de compartilhamento de notícias, hoje alimenta quase todos os grandes veículos de mídia canadenses com notícias nacionais, entre eles a Canadian Broadcasting Corp, CTV News, Global TV e Postmedia.

O Canadá, com população de 34 milhões, viu seu cenário midiático mudar drasticamente nos últimos anos, como resultado das transformações tecnológicas e do declínio da economia. Em novembro de 2010, três organizações de notícias compraram a Canadian Press: a Torstar Corp, que publica o Toronto Star, o jornal Globe and Mail, e o grupo Square Victoria Communications, que publica diversos jornais em lígua francesa no Quebec.

Mesma fonte

No mês passado, o grupo de mídia Postmedia anunciou que iria demitir 25 funcionários em sua cadeia de jornais e voltaria a usar os serviços da agência. Isso fez com que apenas a QMY Agency, empresa do Quebec que tem jornais e canais de TV a cabo, se mantivesse fora da Canadian Press.

Daí vem a situação inusitada em que quase todos os veículos de mídia nacionais e locais que competem por público e anunciantes – em uma competição cada vez mais dura – são alimentados pela mesma fonte de notícias.

Segundo Gordon Fisher, executivo do grupo Postmedia, a decisão de voltar aos serviços da Canadian Press não significa uma diminuição na cobertura própria da empresa. Ele diz que a internet criou a noção da notícia como commodity, em que a mesma informação é rapidamente disponibilizada por centenas ou milhares de fontes, e não era economicamente viável que o Postmedia fugisse disso. Ele afirma, no entanto, que agora seus veículos estão se concentrando na produção de notícias locais, “notícias que você não consegue em nenhum outro lugar, porque este é o único jeito de você se diferenciar”. Informações de Joseph Chrysdale [UPI, 17/6/12].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem