Domingo, 18 de Agosto de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1050
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Facebook compra agregador de redes sociais

12/08/2009 na edição 550

A rede social Facebook partiu para o ataque. Esta semana, comprou o FriendFeed, agregador de diversos sites de comunidades online – incluindo seus rivais –, em uma tentativa de contratar os melhores engenheiros do Vale do Silício. A atitude foi vista por analistas como um desafio ao MySpace e ao Twitter. Não foi revelado o valor da compra, mas especula-se que seja de milhões de dólares. ‘Na primeira vez que testei o FriendFeed, fiquei admirado com a equipe por ter criado um serviço tão simples e elegante para as pessoas compartilharem informações’, diz Mark Zuckerberg, co-fundador e executivo do Facebook.


O site foi fundado em 2007 por ex-funcionários do Google, também responsáveis por serviços como o Gmail e o Google Maps. Hoje, tem apenas 12 funcionários e mais de um milhão de usuários de olho em sua praticidade: acessar um único lugar para acompanhar diversas redes sociais, como Blogger, Facebook, Digg e YouTube.


Nos últimos meses, o Facebook fez diversas mudanças que o aproximaram do FriendFeed, incluindo alterações na página principal de seus usuários, para que apresentem informações em tempo real. A princípio, os sites funcionarão como produtos separados. ‘Como minha mãe me explicou, quando duas empresas se amam muito, elas formam um veículo de investimento estruturado’, escreveu o executivo-chefe do FriendFeed, Bret Taylor, no blog da empresa. ‘Sempre fomos grandes admiradores do Facebook e nossas empresas têm a mesma visão. Agora, temos a oportunidade de levar as inovações que desenvolvemos no FriendFeed para 250 milhões de usuários do Facebook em todo o mundo’, comemora. Informações de Bobbie Johnson [The Guardian, 10/8/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem