Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

MONITOR DA IMPRENSA > TELETIPO

Foto de Bush provoca demissão na AOL

09/11/2004 na edição 302

Uma foto do presidente George Bush provocou a demissão de um funcionário da AOL Time Warner, companhia proprietária do navegador de internet Netscape. Nada demais com a foto em si, divulgada no sítio da CNN (mantido em parceria com o Netscape), que mostrava o presidente e a primeira-dama, Laura. O problema foi o nome dado à figura, que podia ser visto quando o internauta passava o cursor por cima dela: ‘asshole.jpg’ (algo como ‘babaca.jpg’). Fotos em sítios de notícias na internet costumam receber nomes simples que as identificam quando o cursor é passado por cima delas. O ‘erro’ com a foto de Bush foi corrigido às pressas, e o nome foi substituído para ‘georgelaura135.jpg’. Informações de Media Life [5/11/04].



Repórter da BBC chora ao ver Arafat

Centenas de ouvintes reclamaram com a Rádio BBC 4 sobre a repórter Barbara Prett, que relatou no ar, no programa From Our Correspondent, ter chorado ao ver o líder palestino Iasser Arafat ser removido de helicóptero de Ramallah, como informam o jornal The Guardian [5/11/04] e a organização pró-Israel de monitoramento de mídia Honest Reporting [1/11/04]. ‘O que diz sobre a BBC o fato de que eles contratam repórteres que estão emocionalmente ou ideologicamente ligados a um dos lados do conflito?’, pergunta a organização, em nota. Porta-voz da emissora britânica defendeu a jornalista, alegando que o programa permite que os correspondentes se expressem ‘mais livre e pessoalmente’. O vice-diretor para mídia e relações públicas do ministério das Relações Exteriores de Israel, Gidon Meir, disse que escreveria queixa formal para a rede. Barbara não foi encontrada para comentar o caso.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem