Segunda-feira, 20 de Maio de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1037
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Governo chinês fecha jornal

28/09/2004 na edição 296

A China ordenou o fechamento do jornal bimestral Strategy and Management depois que o periódico publicou um artigo que criticava fortemente a Coréia do Norte. Trata-se de um jornal acadêmico importante, que cobre questões de diplomacia, economia e política chinesa e internacional, e que é muito conhecido por publicar matérias que instigam o leitor à reflexão, apresentam pontos de vista independentes e desafiam as políticas de governo. Reportagens de jornais estrangeiros afirmaram que o artigo em questão culpava o líder norte-coreano Kim Jong-il pela crise nuclear no país e o criticava por tentar manter um sistema de leis dinástico. O impacto da matéria foi tão grande que todos os exemplares do jornal foram requeridos. As informações são de John Ruwitch [Reuters, 21/9/04].



Diretores absolvidos no Zimbábue

Um tribunal do Zimbábue retirou as queixas contra quatro diretores do jornal Daily News, acusados de publicarem ilegalmente o jornal. Lançado há cinco anos, o Daily News era o único jornal diário privado do país, e criticava abertamente o governo do presidente Robert Mugabe. Há um ano, foi proibido de funcionar por causa da implantação de uma dura lei de imprensa, segundo a qual todos os veículos de comunicação do Zimbábue devem ser cadastrados e reconhecidos por uma comissão de mídia – indicada pelo próprio governo. A juíza Lilian Kudya afirmou que o Estado falhou em provar que o jornal violou intencionalmente a lei, já que havia conseguido licenças de funcionamento na justiça. ‘Nós estamos livres. Sabíamos que a justiça iria prevalecer’, afirmou o executivo-chefe do Daily News, Samuel Nkomo, após receber a sentença. Informações da BBC [20/9/04].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem