Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

MONITOR DA IMPRENSA > CHINA

Governo renova licença de funcionamento do Google

13/07/2010 na edição 598

Em post publicado em seu blog, o Google anunciou no fim da semana passada que o governo chinês renovou a licença para que continue a fornecer produtos e serviços locais aos internautas do país. A gigante de buscas americana – que detém 30% do tráfego online chinês – havia direcionado os visitantes do Google.cn para seu site em Hong Kong a fim de cumprir o compromisso de não censurar as buscas dos usuários da China.

As relações do Google com o governo comunista ficaram estremecidas desde que a companhia afirmou, no início do ano, que não mais cooperaria com a censura à internet. O anúncio foi feito após ciberataques que a gigante de buscas alega terem vindo da China. A empresa chegou a anunciar que poderia deixar o país, alegando que não iria fornecer resultados censurados pelo governo. Ao mesmo tempo, o executivo-chefe Eric Schmidt havia dito estar confiante na renovação da licença de funcionamento.

Esta semana, o Google deve divulgar seus resultados financeiros do segundo trimestre. As buscas na China representam uma pequena fatia do lucro anual de US$ 23 bilhões – analistas estimam que os lucros fiquem entre US$ 300 milhões e US$ 600 milhões. Ainda que o site de buscas mais acessado no país seja o Baidu, o Google espera crescimento a longo prazo. A China tem hoje cerca de 400 milhões de internautas. Informações de Josh Halliday [The Guardian, 9/7/10].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem