Sábado, 20 de Julho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1046
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Grupos apóiam medidas de segurança no jornalismo

28/09/2004 na edição 296

A Federação Internacional dos Jornalistas (FIJ), em conjunto com outros grupos de defesa da liberdade de imprensa e dos direitos humanos, lançou na semana passada uma iniciativa global em prol do aumento da segurança do jornalismo. O encontro de dois dias em Genebra, organizado pela Press Emblem Campaign – uma coalizão de grupos que defendem a adoção de um emblema internacional para jornalistas – resultou na elaboração de uma declaração que dá prioridade a medidas imediatas para implementar a segurança de equipes de mídia durante o trabalho em zonas de risco.

Entre as principais resoluções, estão a luta pelo fim da impunidade para agressores de jornalistas e a proposta de um novo mecanismo de investigação sistemática de assassinatos de membros da imprensa. ‘O mundo do jornalismo não pode esperar por longos debates sobre novas leis e idéias sobre se jornalistas precisam ou não de um emblema reconhecido que os proteja’, afirmou o secretário-geral da FIJ, Aidan White. ‘Precisamos de ações agora’, defendeu ele.

Durante o encontro, ficou combinado que será montado um comitê internacional responsável por avaliar detalhadamente as prioridades profissionais e legais para o aumento da segurança no jornalismo. Em paralelo, será examinada também a necessidade de uma nova convenção internacional e um emblema para a profissão.

Os participantes concordaram que hoje já existem provisões legais para a proteção dos jornalistas, mas que alguns governos – alguns dos quais democráticos – são completamente negligentes com relação a elas. ‘Membros da imprensa às vezes são excluídos da preocupação da comunidade internacional sobre a segurança de civis em áreas de conflito’, disse White.

Ficou decidido também que será pedida ajuda ao Instituto Internacional de Segurança do Jornalismo para a elaboração de um relatório com todos os passos necessários para o aumento da proteção de jornalistas. ‘Este é um processo que deve envolver organizações de mídia e todos os jornalistas’, completou o secretário-geral da FIJ. Informações da International Federation of Journalists [21/9/04].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem