Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº969

MONITOR DA IMPRENSA > 2009 - MÍDIA & JORNALISMO

Guerra em Gaza

29/12/2009 na edição 570

A imprensa teve dificuldades para cobrir a invasão israelense da Faixa de Gaza, que teve início em dezembro de 2008 e seguiu pelas primeiras semanas do ano. Jornalistas foram proibidos de entrar na zona de conflito e telefones celulares de soldados foram confiscados para evitar a comunicação. A cobertura ficou restrita aos informes oficiais – e parciais – do Exército de Israel.

** Trunfos do jornalismo humanista – Alberto Dines

** A mídia em Israel toca as trombetas da guerra – Gideon Levy

** A causa palestina é nossa – Gilson Caroni Filho

** Manter a imprensa afastada não funciona – Robert Fisk

** A cobertura que faltou – Alberto Dines

** Além dos mísseis, a batalha das idéias

** A grande mídia e a grande mentira – Alexandre J. Eisenberg

** Guerras: as “minhas” e as de hoje – Moisés Rabinovici

** Guerra em Gaza, guerra na imprensa – Carlos Brickmann

** Apelo aos meios de comunicação e às autoridades israelenses – Repórteres Sem Fronteiras

** A mídia tomou partido – Deonísio da Silva

** Mídia, blogs, cidadãos jornalistas e notícias – Victor Barone

** Imprensa mostra, mas não explica – Luís Olímpio Ferraz Melo

** O genocídio não é televisionado – Paulo Bento Bandarra

** Memórias em tempos de guerra – Eliza Bachega Casadei

** Jornalistas impedidos de cobrir a guerra – Thalif Deen

** O mantra da desproporcionalidade – Luis Milman

** Israel aborta planode entrada de jornalistas

** Críticas, críticos e algumas respostas – Luis Milman

** A derrota dos vencedores – Luciano Martins Costa

** Por um pacifismo radical – Alberto Dines

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem