Domingo, 18 de Novembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1013
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Jornal poderá cobrir julgamento em que é réu

02/10/2008 na edição 505

Um tribunal de apelações na Califórnia derrubou, no início da semana, ordem de uma corte mais baixa que proibia o jornal Orange County Register de cobrir um julgamento em que é réu. A publicação é processada por seis mil entregadores de jornais por acusação de práticas trabalhistas injustas.


O Register insiste que os entregadores não são funcionários do jornal, e sim prestadores de serviço independentes. Já os entregadores alegam que esta classificação faz com que eles não tenham direito ao pagamento por horas extras e os força a pagar por custos adicionais do trabalho. Eles pedem US$ 100 milhões de dólares por danos.


Advogados que representam os entregadores haviam reclamado que o jornal poderia fazer uma cobertura tendenciosa e influenciar o júri a seu favor. A escolha dos jurados teve início esta semana, e o Register prometeu fazer uma cobertura imparcial. ‘A decisão do tribunal de apelações é, na verdade, uma vitória para o público’, declarou Ken Brusic, editor do jornal. ‘A liberdade depende de uma imprensa independente, e a habilidade de reportar o que ocorre em um tribunal é fundamental’. Informações de Shaya Tayefe Mohajer [AP, 30/9/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem