Jornalistas iranianos são libertados | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito
Quinta-feira, 16 de Agosto de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1000
Menu

MONITOR DA IMPRENSA > TELETIPO

Jornalistas iranianos são libertados

31/08/2004 na edição 292

O chefe do escritório da Agência de Notícias do Estado do Irã (IRNA) em Bagdá, Mostafa Darban, foi solto pelas autoridades iraquianas após ter sido detido por cerca de três semanas. Darban foi libertado às vésperas da visita do primeiro-ministro interino do Iraque, Barham Saleh, ao Irã. Segundo a IRNA, Saleh havia prometido libertar os jornalistas antes de sua visita; no entanto, a agência de notícias não disse se outros dois jornalistas iranianos também foram libertados ou se continuam detidos. O governo iraquiano nunca explicou o motivo das prisões, mas acusa o Irã de se meter em assuntos no novo governo do Iraque, e de se envolver na rebelião muçulmana xiita.Informações da AFP [27/8/04].



Editor de jornal da Índia sofre atentado

A organização Repórteres Sem Fronteira condenou, no dia 26/8, a tentativa de assassinato do editor da edição em língua hindu do jornal Mahanagar, Sajid Rashid, em Mumbai. A organização solicitou que as autoridades tomem as devidas providências para identificar e punir os responsável pelo atentado, assim como zelar pela segurança de toda a equipe do Mahanagar, que já foi alvo de atentados há dois meses atrás. Se for confirmado que o atentado se deu devido à defesa de livre expressão pregada pelo editor do jornal, isso põe em ameaça todas as instituições de notícias independentes em Mumbai. As informações são dos Repórteres Sem Fronteiras [26/8/04].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem