Domingo, 16 de Junho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1041
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Líder líbio processa jornal ugandense

23/02/2009 na edição 526

O governo de Uganda anunciou que irá tomar medidas duras contra o jornal Red Pepper, após alegações de que o líder da Líbia, Muammar Gaddafi, estaria tendo um caso com Best Kemigisha, da família real de Tooro, reino de Uganda. ‘Desaprovamos o que o Red Pepper fez’, afirmou o ministro ugandense de Ética, Nsaba Buturo.

Gaddafi já processa o jornal por difamação, pedindo US$ 1 bilhão em danos. Pelo menos 30 xeques muçulmanos e imãs queimaram cópias do diário na semana passada, em um protesto na capital Kampala. O líder do país patrocinou a construção da mesquita nacional na cidade – a maior da região do leste africano.

O jornal disse que não irá voltar atrás na declaração. ‘Porque acreditamos na democracia, o ato de ir à corte é aceitável para nós’, afirmou o editor Arinaitwe Rugyendo. ‘Não cometemos nenhuma ofensa’, insistiu. Informações de Fred Ojambo [Bloomberg, 18/2/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem