Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Notícias para o público mirim

25/01/2005 na edição 313

Criança se interessa por notícia? Para o grupo de mídia francês Play Bac Presse, não há dúvida de que sim. Há 10 anos, a empresa investe nos pequenos e nos nem tão pequenos. Tem quatro jornais diários, cada um dedicado a uma faixa de idade. No total, Quoti, Le Petit Quotidien, Mon Quotidien e L’actu cobrem os interesses dos leitores de 5 a 14 anos.

A idéia deu tão certo que Play Bac lançou este mês um telejornal online. Em Mon Quotidien TV, um personagem simpático de história em quadrinhos, chamado Quotillon, apresenta notícias por 10 minutos diários. O criador do programa, Julien Vonthron, leva cinco horas para montar o telejornal, que pode ser visto em monquotidien.tv. Ele seleciona as notícias do dia e usa imagens de emissoras parceiras, como France 2, uma das maiores do país.

Até agora, o programa na internet fez mais sucesso em atrair crianças do que anunciantes. Como o formato é novidade, eles esperam cautelosos para ver se dará certo, dizem executivos do Play Bac. Nas edições impressas, o resultado é lucrativo. Grande parte da receita é proveniente do pagamento de assinaturas, que custam cerca de oito euros mensais.

Crescimento acelerado

Na internet, mais de 6.500 pessoas já se registraram para assistir ao programa desde a estréia, em 5/1. Segundo François Dufour, editor-chefe e um dos fundadores do grupo, são cerca de 500 telespectadores online por dia. Falado em francês, o programa tem recebido pedidos de legendas em inglês por crianças dos EUA.

O telejornal online é apenas uma das ações de expansão da companhia. Com renda anual de 15 milhões de euros, o equivalente a US$ 19,6 milhões, 75 funcionários e circulação total de 200 mil cópias, o Play Bac busca agora parceria com jornais na França, Itália, Grã-Bretanha e EUA. A possibilidade de inserção de suplementos infanto-juvenis já é discutida com diversos títulos, entre os quais o International Herald Tribune. Nos EUA, o grupo está em negociação final com o Miami Herald para testar um jornal diário para crianças.

O Play Bac submete seu conteúdo regularmente às criticas das crianças. Pela internet, elas podem – e são encorajadas a – avaliar as matérias que saem nos jornais. Os resultados das análises infantis chegam às mãos de todos dentro da companhia. Um educador também ajuda a equipe a saber se as matérias estão escritas de maneira compreensível para o público-alvo. Informações de Doreen Carvajal [The International Herald Tribune, 17/1/05].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem