Terça-feira, 16 de Julho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1045
Menu

ENTRE ASPAS >

ONG acusa governo de tentativa de censura a jornal

04/03/2009 na edição 527

A organização Repórteres Sem Fronteiras acusou uma corte do Cazaquistão de tentar destruir um semanário independente ao determinar uma multa por difamação tão alta que seria impossível ser paga, noticia Olzhas Auyezov [Reuters, 4/3/09].


No mês passado, a corte de apelação de Almaraty – a maior cidade do país – ordenou que o jornal Taszhargan pagasse o equivalente a 475 mil reais, após ter sido considerado culpado, por outro tribunal, em um processo por difamação aberto por um membro do parlamento. A publicação critica freqüentemente o governo e oferece espaço de suas colunas para a oposição.


‘Estamos aterrorizados com a persistência deste tipo de prática, tendo em vista que o Cazaquistão deve assumir a presidência da Organização para Segurança e Cooperação na Europa (OSCE, sigla em inglês) em 2010’, afirmou a RSF. A organização é voltada para a promoção da democracia e do liberalismo econômico no continente, com adesão de 56 países da Europa, Ásia Central e América do Norte.


Grupos de defesa da mídia há muito acusam o Cazaquistão, ex-república Soviética na Ásia Central, de silenciar a mídia independente no país no qual a maior parte da TV e imprensa não critica o governo. A decisão da OSCE de nomear o Cazaquistão para sua presidência no ano que vem também é questionada, pois não há cumprimento dos padrões de democracia estabelecidos pela organização.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem