Domingo, 21 de Abril de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1033
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Polícia busca quatro jornalistas seqüestrados

28/11/2008 na edição 513

Policiais fizeram buscas na cidade de Bosasso, na província somali de Puntlândia, na quinta-feira (27/11), para tentar encontrar quatro jornalistas seqüestrados um dia antes. Os repórteres, dois somalis, um espanhol e um britânico, foram levados pelos captores quando deixavam seu hotel para o aeroporto. Eles estavam na cidade para cobrir o aumento da ação de piratas na costa da Somália. Segundo o chefe de polícia local, os profissionais foram levados para uma área montanhosa fora de Bosasso.


Piratas usam os vilarejos costeiros para deixar os navios que ‘seqüestram’ até o pagamento do resgate. Bosasso serve de base para o tráfico de imigrantes ilegais e de armas. A Somália foi considerada o segundo país mais letal para profissionais de imprensa, em 2007, pelo Comitê para a Proteção dos Jornalistas. Em agosto, dois jornalistas freelance, um australiano e um canadense, foram seqüestrados na capital, Mogadício, e continuam reféns. Em dezembro do ano passado, um cinegrafista francês foi mantido refém por uma milícia local por oito dias. Informações de Mustafa Haji Abdinur [AFP, 27/11/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem