Sábado, 25 de Maio de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1038
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Reality show acompanha Marinha dos EUA

15/04/2009 na edição 533

Parecia até ficção, mas era realidade. O capitão americano Richard Phillips foi mantido refém por piratas somalis e, na sua libertação, três seqüestradores foram mortos. Situações como esta poderão ser acompanhadas em um reality show que irá seguir navios da Marinha americana na caça a piratas no Golfo de Áden, noticia a AFP [14/4/09]. O anúncio do lançamento do programa, que será exibido pela emissora a cabo americana Spike TV, foi feito um dia após a libertação de Phillips.


Realizado em parceria com a Marinha, o reality, que receberá o nome de Pirate Hunters: USN (Caçadores de Piratas: Marinha dos EUA, tradução livre), irá trazer um olhar ‘mais próximo dos bastidores das operações navais para acabar com a ameaça mortal da pirataria no Golfo de Áden’, segundo declaração de Sharon Levy, executiva da emissora. ‘Estamos orgulhosos de estarmos junto à Marinha em uma missão tão importante’, completou.


A estréia está prevista para o final deste ano. Cada programa terá duração de uma hora. De acordo com o secretário de Defesa dos EUA, Robert Gates, os quatro seqüestradores de Phillips estavam fortemente armados, mas eram jovens inexperientes de 17 a 19 anos. O único sobrevivente se entregou e está sob custódia americana.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem