Quarta-feira, 23 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

MONITOR DA IMPRENSA > JULES EDWARD LOH

Repórter da AP morre aos 79 anos

31/08/2010 na edição 605

Morreu, aos 79, o repórter da AP, Jules Edward Loh, após complicações de uma recente cirurgia abdominal. Na maior parte de quatro décadas como repórter, Loh viajou pelos EUA, conhecendo cada parte do país e descrevendo lugares e pessoas inusitadas para a coluna ‘Elsewhere in America’. Para escrever Lords of the Earth, livro publicado em 1971 sobre os índios Navajo, no Arizona, ele tornou-se tão próximo aos mais velhos da tribo que eles lhe deram o nome de Poputiney, que significa ‘muitos lápis’.

Em 1997, Loh aposentou-se e disse: ‘Eu sou um repórter. Ponto. Eles podem colocar isto no meu túmulo’. Em seu currículo, inúmeros prêmios. ‘Ele foi um talentoso e extraordinário escritor que nos deu uma perspectiva que poucos teriam’, comentou o presidente da AP, Tom Curley. Loh começou a trabalhar na agência em 1959. Nos 39 anos em que ficou na AP, cobriu terremotos no Alasca, na Califórnia e na Cidade do México, os assassinatos de John e Robert Kennedy e diversos eventos do movimento pelos direitos civis. Informações de Richard Pyle [AP, 29/8/10].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem