Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1046
Menu

MONITOR DA IMPRENSA >

Repórter descobre câncer de mama após exame exibido na TV

Por lgarcia em 13/11/2013 na edição 772

O que era para ser um ato de conscientização acabou se transformando em um drama pessoal para a jornalista americana Amy Robach. Correspondente da emissora de TV ABC News, Amy, de 40 anos, foi diagnosticada com câncer de mama ao fazer sua primeira mamografia. A repórter fez o exame, que foi exibido ao vivo na TV, por conta da campanha anual pela conscientização sobre o câncer de mama que durou todo o mês de outubro. Esta semana, ela será submetida a uma mastectomia.

Em artigo no site da ABC News, Amy conta que estava relutante em fazer o exame – era algo que ela adiava há mais de um ano. “Se diversos produtores não tivessem me convencido de que fazer isso ao vivo na televisão salvaria vidas, eu nunca teria feito por conta própria. Então, em 1º de outubro, fiz minha primeira mamografia, diante de milhões de pessoas”, escreve ela, ressaltando que também recebeu incentivo da âncora Robin Roberts, que também já teve câncer de mama.

“Eu tive sorte de encontrar [a doença] cedo, e tenho que agradecer a muitas pessoas por isso. Cada produtor, cada pessoa que me incentivou, mudou a minha trajetória. Os médicos me disseram sem rodeios, ‘essa mamografia salvou a sua vida’”, lembra. “Eu só posso esperar que a minha história inspire cada mulher que a escute a fazer uma mamografia, a fazer o auto-exame. Sem desculpas”. 

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem