Segunda-feira, 17 de Junho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1041
Menu

CADERNO DO LEITOR >

Veículos de comunicação anunciam cortes

10/02/2009 na edição 524

A crise que já atingia a indústria jornalística há alguns anos parece ter tomado dimensões maiores nos últimos meses de 2008. Na semana passada, diversas empresas do setor anunciaram perdas e cortes. Eis algumas delas:

A Time Warner Cable, segunda maior operadora de cabo dos EUA, deverá eliminar 1.250 cargos nas próximas semanas. No ano passado, já haviam sido cortados 500 empregos. A empresa, que reportou perda de receita de US$ 8,16 bilhões – ou US$ 8,36 por ação – no quarto trimestre de 2008, espera economizar US$ 90 milhões anuais com os cortes.

A Bloomberg, especializada em notícias financeiras, deverá condensar seus serviços de TV em línguas estrangeiras para apenas uma emissora global em inglês. Cerca de 100 funcionários da equipe nos EUA serão demitidos. O corte de funcionários nos escritórios europeus e asiáticos ainda será avaliado.

A editora de jornais americana McClatchy apresentou perda de US$ 21,7 milhões no quarto trimestre e anunciou planos de’corte de custos’ para este ano. A companhia, que publica títulos como o Miami Herald e o Sacramento Bee, não detalhou quanta economia se espera dos cortes.

O Wall Street Journal, da Dow Jones – companhia comprada pela News Corporation de Rupert Murdoch há um ano –, anunciou corte de cargos na equipe editorial. Postos em aberto deverão ser eliminados, uma parte dos funcionários será demitida e outra participará de um pacote de demissão voluntária. Pelo menos 14 pessoas sairão do jornal. Com informações da AP [4 e 5/2/09] e do Guardian.co.uk [4/2/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem