Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

MONITOR DA IMPRENSA > Indice de engajamento com os leitores

Zero Hora sobe no ranking e supera o Estadão

Por Caio Túlio Costa em 17/03/2016 na edição 894

O Índice Torabit de fevereiro, que mede a taxa de engajamento dos leitores de portais e jornais nas redes sociais, traz como novidade que o fato do jornal gaúcho Zero Hora ter passado à frente do Estadão na média de engajamento nas redes no mês. O Estadão liderava desde novembro.

O jornal Zero Hora fechou fevereiro na ponta com 2,73% de média na taxa de engajamento enquanto o Estadão recuou para o segundo lugar, com 2,29%.

A taxa de engajamento mensura a quantidade de ações realizadas pelos internautas com os conteúdos das páginas de jornais e portais nas redes sociais e que são divulgadas nas suas respectivas homepages.

Essas ações podem ser a de um simples curtir, um esforço maior na publicação de algum comentário ou ainda maior engajamento quando o leitor não só comenta, mas também compartilha determinado conteúdo.

De janeiro para fevereiro, o jornal Zero Hora cresceu 46% enquanto o Estadão recuou 6%. Zero Hora conseguiu taxas de engajamento da ordem de 4,6% no Facebook, 0,32% no Twitter e 3,2% no Instagram.

Entre os veículos pesquisados, a média atingida por eles no Facebook é de 2,48%; no Twitter é de 0,23% e no Instagram 1,53%. Torabit_Fevereio_2016-2

Destaque também para o UOL que cresceu 49% no mês e pulou para o terceiro lugar entre os oito veículos monitorados até aqui.

Novidade desta divulgação é que o Torabit passa a publicar o histórico do índice. Ele começou a ser apurado em novembro de 2015 e um gráfico exibe a movimentação dos veículos a partir daquele mês.

Esta movimentação dá conta do esforço de cada veículo em dialogar e interagir com seu público, em publicar assuntos de interesse do leitor e estabelecer contato permanente contato com ele. Ou seja, o esforço de engajar o leitorado.

Outro dado a ressaltar é que, apesar de ser o campeão de seguidores no Facebook e no Instagram, o portal R7 tem pequena taxa de engajamento, o sexto lugar, com 0,73% de média – metade da média de mercado refletida pelos veículos no mês de fevereiro.

Para calcular a taxa de engajamento, o Torabit utiliza uma fórmula bastante simples. A equação é composta pela soma de ações que os internautas fazem em cada rede (curtem, comentam ou compartilham) multiplicada por cem e dividida pelo número de seguidores de cada veículo ao final de cada mês.

O resultado final é a taxa média, nada menos do que a soma das taxas obtidas pelo veículo dividida pela quantidade de redes – três neste caso.

O resultado, em percentual, permite comparar qual leitorado é mais ou menos engajado em relação aos concorrentes de qualquer um dos veículos.

A próxima divulgação do índice Torabit, em abril, vai ser acrescida também do desempenho nas redes sociais das três principais revistas semanais brasileiras: Veja, Época e IstoÉ.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem