Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1006
Menu

NA IMPRENSA INTERNACIONAL > CRISE NA IMPRENSA

BBC demite mil funcionários

Por Kristen Schweizer em 04/07/2015 na edição 857
Reproduzido do site Bloomberg  2/7/2015

A BBC (British Broadcsting Corporation), a maior rede de televisão do mundo anunciou uma redução de mil postos de trabalho por meio da fusão de divisões corporativas, cortes na administração e enxugamento de áreas como marketing, recursos humanos e tecnologia da informação (TI).

A decisão foi anunciada na sequência de mudanças destinadas a promover uma economia de 1,5 bilhões de libras esterlinas (R$ 7,3 bilhões) até 2017, meta a ser alcançada por meio de demissões de funcionários, fechamento de escritórios no exterior e cessão parcial ou total de direitos de transmissões esportivas.

O modelo financeiro da BBC está sob forte pressão no momento em que a rede britânica se prepara para renegociar até 2017 os acordos com o governo que estabelecem uma taxa de licenciamento para aparelhos residenciais de televisão, num valor total estimado em 3.7 bilhões de libras esterlinas anuais ( 17,7 bilhões de reais)

“Uma BBC mais simples e enxuta, é a coisa certa a fazer e isto pode nos ajudar a enfrentar os desafios financeiros que temos pela frente”, disse o diretor geral da emissora, Tony Hall, numa mensagem anunciando os cortes. Ele disse também que os detalhes da decisão serão resolvidos “no início do outono (nossa primavera)”

A taxa atual de licenciamento doméstico, congelada há sete anos, é de 145,5 libras esterlinas (cerca de 710 reais) para um aparelho de TV a cores. A receita oriunda do pagamento da taxa será 150 milhões de libras ( R$ 730 milhões) menor nos dois próximos anos, devido à redução do número de aparelhos residenciais de TV já que muitos britânicos estão migrando para serviços de vídeo em tempo real como o Netflix e para acesso via telefones celulares.

A BBC revelou que já está economizando recursos financeiros com cortes em despesas administrativas e imobiliárias, com a repetição de programas durante o dia e com o compartilhamento dos direitos de transmissões esportivas com outras emissoras. Esta semana, a BBC anunciou que todo o conteúdo do seu canal TV Três será transmitido via internet. Hall disse que os cortes de pessoal, a fusão de divisões e o enxugamento administrativo permitirão uma economia de 50 milhões de libras esterlinas ( cerca de 244 milhões de reais).

A viabilidade, a longo prazo, do sistema de taxas de licenciamento para uso doméstico de aparelhos de TV na Inglaterra foi questionada pelo Secretario de Cultura do governo conservador britânico.

A BBC tem 18 mil funcionários, dos quais aproximadamente 5% perderão os seus empregos.

***

Kristen Schweizer, repórter do site Bloomberg Business

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem