Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

PESQUISAS ELEITORAIS 2012

Como o resultado das pesquisas influencia o voto do eleitor

Por Alberto Dines em 16/10/2012 | Programa número 661 | comentários

Bem-vindos ao Observatório da Imprensa.

Faz parte da nossa rotina, é uma das obrigações deste Observatório: depois de cada eleição, é imperioso discutir as sondagens de opinião, não apenas para verificar os procedimentos, mas principalmente para avisar o eleitor que pesquisas não são profecias infalíveis, são retratos instantâneos da dinâmica das preferências, portanto, sujeitos a alterações.

Tão importante quanto esta avaliação estatística, é examinar como a mídia, sobretudo os jornais impressos às vésperas do pleito, apresentam estes números. Uma palavra mal empregada pode subverter um dado rigorosamente objetivo e induzir o cidadão ao erro.

A utilização abusiva das sondagens na cobertura jornalística pode produzir perigosas distorções e efeitos colaterais no próprio processo eleitoral. A obsessão pelos números tira da disputa seu elemento fundamental: o confronto de ideias e de programas.

O eleitor é um ser responsável, pensante. Convertê-lo em mero torcedor fixado em placares, avilta a função social do jornalismo e compromete os fundamentos políticos do processo democrático.

Todos os comentários

Programas Anteriores

1 2 3 4 5 última

1 de 815 programas exibidos

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem