Domingo, 20 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

Dengue

Falta de informação

Por Alberto Dines em 26/02/2002 | Programa número 186 | comentários

Bem-vindos ao Observatório da Imprensa.

Você lembra-se muito bem do papel da mídia no êxito do racionamento de energia elétrica. Depois de crucificar o Governo Federal pela incapacidade de prever a crise, os meios de comunicação arregaçaram as mangas e partiram para a tarefa de mobilizar a sociedade para diminuir o consumo. Os resultados estão aí, em parte graças a São Pedro. Mas no caso da dengue a mídia perdeu um tempo precioso alimentando o debate político-eleitoral entre os diversos protagonistas e esqueceram-se do mais urgente: informar corretamente para salvar vidas humanas.


Seduzida pela fofocagem política num ano de eleições presidenciais, o trabalho de alertar e convocar a sociedade ficou para depois. Muita gente morreu por falta de informações. Uma das funções da mídia no regime democrático é fiscalizar os poderes constituídos, denunciar desacertos, cobrar providências. Mas tão importante quanto isso é a sua função convocadora. Mas para mobilizar na direção correta é preciso que nas redações existam jornalistas especializados, suficientemente informados e preparados para não se deixarem seduzir pelos aspectos sensacionalistas.


Assim como a sociedade exige nos governos a presença de técnicos e especialistas competentes esta sociedade está aprendendo a exigir dos meios de comunicação uma cobertura responsável e abalizada.


Assista ao compacto desse programa em:
www.tvebrasil.com.br/observatorio/videos.htm

Todos os comentários

Programas Anteriores

1 2 3 4 5 última

1 de 815 programas exibidos

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem