Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

PRIMEIRAS EDIçõES > CARTUNS POLÊMICOS

Avalanche de críticas

Por lgarcia em 31/10/2001 na edição 145

CARTUNS POLÊMICOS

Os atentados terroristas desafiaram a imaginação de criadores de tiras cômicas. Enquanto a maioria evita qualquer alusão aos acontecimentos, outros preferem tratar o assunto diretamente. E nenhum é mais provocador que Aaron McGruder, autor da tira The Boondocks. Em tiras recentes, um dos personagens tenta convencer o FBI de que o ex-presidente Ronald Reagan é culpado por ter financiado Osama bin Laden e seus seguidores na guerra contra os russos, sugerindo que o governo Bush fez o mesmo com o Talibã.

O diário Newsday deixou de publicar a tira por uma semana, o Dallas Morning News tirou The Boondocks da seção de quadrinhos e o Daily News publicou apenas uma tira desde que suspendeu a de 4/10, decidindo avaliá-las dia-a-dia. Outros jornais, dos 250 que publicam a tira, também se queixaram, mas nenhum deixou de publicá-las.

McGruder garante que não mudou após os atentados: quer continuar a lidar com assuntos que deixam as pessoas pouco à vontade. "Havia muito a dizer sem fazer pouco da situação, e existia uma oportunidade real de fazer críticas legítimas ao governo e à mídia", diz o cartunista. "Este é um daqueles momentos críticos da história, e não quero olhar para trás e me arrepender de não ter dito nada."

"Cobertura insensível"

Uma empresa deixou de anunciar no New York Post e outras consideram fazer o mesmo em reação a uma tira publicada no dia 20. Um dia após a divulgação de que uma funcionária do Post havia contraído antraz, a charge mostrava o editor do jornal, Col Allan, em seu escritório, tendo ao fundo um gráfico indicando o crescimento da circulação do diário. Um homem lhe pergunta: "Que espécie de psicótico nos enviaria antraz?" No quadro seguinte, aparece Mortimer B. Zuckerman, presidente do Daily News ? maior rival do Post ? em sua mesa, em frente a um gráfico que mostra baixa circulação. Ao lado de um jarro rotulado "Antraz", o empresário lambe um envelope.

Harold Bendel, fundador e proprietário da Major World, que controla 14 concessionárias de carros na região de Nova York, decidiu retirar seus anúncios do Post por considerar sua cobertura "insensível". Segundo Bendel, sua companhia compra de 600 mil a um milhão de dólares em anúncios do jornal por ano. As informações são de Jayson Blair (The New York Times, 22 e 24/10/01).

    
    
                     

Mande-nos seu comentário

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem