Edições online ameaçam as impressas | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito
Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1000
Menu

PRIMEIRAS EDIçõES > JORNAIS ELETRÔNICOS

Edições online ameaçam as impressas

Por lgarcia em 08/07/2003 na edição 232

JORNAIS ELETRÔNICOS

As edições online dos jornais estão começando a afetar negativamente a venda de exemplares impressos. É a constatação a que chega a última pesquisa da Belden Associates, um instituto de pesquisa sediado em Dallas, nos EUA.

No segundo trimestre de 2002, a Belden concluiu, através de uma pesquisa online, que houve o mesmo número de visitantes de sítios de jornais encerrando ou iniciando assinaturas impressas. A última pesquisa, no entanto, exibiu dados desanimadores: apenas 8% de usuários online compraram mais exemplares, enquanto 12% compraram menos. Vinte por cento afirmaram ler a edição impressa com menor freqüência, e 6% disseram ler mais a versão impressa, de acordo com reportagem de Carl Sullivan [Editor & Publisher, 30/6/03].

"Não estamos tão assustados, mas achamos que a indústria deve ficar de olho nisso", disse Greg Harmon, diretor interativo da Belden.

Há um lado alentador. Cerca de 25% de assinantes da versão online disseram que pretendem ou gostariam de fazer uma assinatura no futuro. Harmon afirmou que os publishers deveriam se dedicar mais ao marketing das edições impressas em seus sítios.

A pesquisa se baseou em jornais locais, como Las Vegas Review-Journal, Denver Rocky Mountain News, The Denver Post, Dayton Daily News (Ohio) e Longview News-Journal (Texas).

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem