Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

PRIMEIRAS EDIçõES > AMADO

Em vez de papel, melhor gastar sola de sapato

Por lgarcia em 15/08/2001 na edição 134

AMADO

A mídia prestou justas homenagens a Jorge Amado. Em espaço e tempo. O padrão de qualidade jornalística hoje, no Brasil, mede-se pelas dimensões da cobertura, pela exposição que se dá ao assunto e, em seguida, pela reiteração.

Uma semana depois da morte do escritor, depois das dezenas de páginas e cadernos especiais a ele dedicados, com apenas uma página e meia e muita sola de sapato gasta em investigações a Folha de S.Paulo levantou a única novidade na biografia do celebrado escritor: seu primeiro casamento e um livro de versos inéditos que dedicou à primeira companheira (segunda, 13/8/01, capa do caderno "Ilustrada").

    
    
                     

Mande-nos seu comentário

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem