Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

PRIMEIRAS EDIçõES > TELEJORNALISMO

João Ubaldo Ribeiro

Por lgarcia em 12/12/2001 na edição 151

TELEJORNALISMO

"Nova visitinha da tevê", copyright O Estado de S. Paulo, 9/12/01

"- Bom dia.

– Boa tarde.

– Eu sei, nós marcamos para as 11 e só estamos chegando agora. É que…

– …O trânsito em Botafogo e na Lagoa estava um inferno.

– Como é que você adivinhou? É isso mesmo. E um carro quebrou no túnel, foi a maior zona. Desculpe.

– Não tem problema, eu já estava esperando mesmo que vocês chegassem agora.

– Mas nós marcamos…

– Tudo bem, tudo bem. Vamos lá?

– Tem que ser aqui? A luz aqui é péssima.

– Então vamos lá para cima.

– A luz aqui em cima está forte demais, não sei se vai dar.

– Infelizmente, o sol não está sob meu controle.

– Ha-ha, essa é ótima, o sol não está sob meu controle. É por essas e outras que você é famoso, ha-ha. E aí, Gustavo, tá dando pra fazer?

– Com esse ar-condicionado funcionando, não dá, entra um ruído enorme.

– Então desliga o ar. Dá licença?

– Não, eu…

– Obrigada. E aí, Gustavo?

– Melhorou. Mas tem o problema do reflexo nos óculos. Não dá para fazer sem os óculos?

– Só se vocês me fornecerem uma bengalinha.

– Ha-ha-ha! Uma bengalinha! Você é engraçado mesmo. Mas dá para tirar os óculos?

– Ninguém jamais me viu sem óculos. Aliás, minto. Uma vez a Ava Gardner me pediu para tirar os óculos na hora H.

– Quem?

– Ava Gardner, Ava Gardner. Era uma artista de cinema.

– Ah, sim, vocês namoraram. Isso foi em 30 e quantos?

– Deixa pra lá, esqueça, esqueça.

– Eu compreendo, não quero ser indiscreta. E aí, Fernandão, e aí, Gustavo, tudo certo?

– Não dá para tirar os óculos?

– Não! Não!

– Vocês, celebridades, são de lascar, vou te contar. Tudo bem, tudo bem, vai prejudicar a matéria, mas tudo bem.

– Esse bigode grisalho também atrapalha, está dando uns reflexos no monitor.

– Eu não vou raspar meu bigode! Tire a mão de meu bigode!

– Tudo bem, tudo bem. Vocês, celebridades… E aí Gustavo, tudo em cima?

– Onde é que tem uma tomada? Ah, já achei, sem problema.

– Meu computador! Você tirou da tomada meu computador ligado!

– Sem problema, isso é superstição, é só botar na tomada de novo.

– E se ele me passar uma mensagem de que podem haver defeitos no disco rígido.

– Pode deixar, eu mesmo religo o computador pra você.

– Não, eu mesmo prefiro religar, pode deixar.

– Oquêi, depois não se queixe, a culpa não foi minha. Ninguém me falou nada, a tomada estava aí…

– Claro, claro, a culpa é toda minha. Vamos em frente.

– Isso me lembra uma coisa. Kátia, tu te recorda que a direção do programa pede movimentação?

– É isso mesmo. Não dava para você… Você tem outra camisa aí à disposição? Essa tem xadrezinho demais, dá pra mudar?

– Eu não vou mudar de camisa.

– Tudo bem, vai prejudicar a matéria, não sei nem se vai sair.

– Ah, então ótimo. Então ninguém grava nada.

– Esquece, não foi isso que ele quis dizer. De fato, se a gente não obedecer a certas condições, a matéria pode não sair. Mas aí é problema da produção e problema seu.

– Problema meu? Eu pedi a alguém para me entrevistar?

– Não, realmente não. Mas é um programa muito assistido, tem interesse promocional, e muito, para sua obra.

– Não tem interesse nenhum! Aliás, se for por isso, a gente pode dispensar tudo.

– Me admira o senhor, jornalista profissional, querendo ver uma colega furar a pauta.

– Eu não estou querendo que você fure a pauta. Eu só estou dizendo que não vou mudar de camisa.

– Tá legal, seria melhor que você tivesse um pouco mais de boa vontade. Mas, já que é assim, vamos em frente. Pode rodar aí, Gustavo?

– Positivo!

– Estamos aqui, na casa do escritor José Ubaldo Ribeiro…

– João.

– O quê?

– É João, não é José.

– Mas aqui na pauta diz que é José.

– Mas é João! É João! Eu me conheço desde pequeno, eu sou João, eu posso mostrar minha carteira de identidade! Eu sou João!

– Tudo bem, mantenha a calma, pô! Eu mudo aqui. Roda lá, Gustavo. Estamos aqui na casa do escritor João Paulo Ribeiro…

– João Ubaaaaaldo!

– Também não precisa ser grosseiro, foi apenas um lapso. Vocês, celebridades, vou te contar, hem?"

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem