Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

PRIMEIRAS EDIçõES > ZIMBABUE

Jornalistas libertados

Por lgarcia em 22/08/2001 na edição 135


ZIMBABUE

Quatro jornalistas do Zimbábue foram libertados no último dia 15, informa a BBC News (15/8/01). Geoff Nyarota, Bill Saidi, John Gambanga e Sam Munyavi, do jornal independente Daily News, haviam sido detidos sob a acusação de divulgar notícias falsas com intenção de "incitar preocupação e desânimo". Uma matéria do jornal alegava que a polícia estava envolvida com as invasões de fazendas de proprietários brancos por milícias governistas. Nyarota e outros dois colegas já haviam sido interrogados em abril, acusados de difamar o presidente Robert Mugabe.

De acordo com o correspondente da BBC na região, Barnaby Phillips, a libertação dos jornalistas prova que o poder judiciário do Zimbábue tem se mostrado justo e independente, apesar da intensa pressão política. Phillips também relata que, com o agravamento dos problemas políticos e econômicos do país, o governo tem manifestado hostilidade em relação à mídia em geral.

O presidente Mugabe está sob pressão internacional para tratar das violentas invasões de terra. No dia 14, líderes de 14 países sul-africanos expressaram preocupação acerca da situação e disseram estar abertos ao diálogo para ajudar o governo a resolver o problema. A Alemanha recentemente se uniu aos EUA ao condenar o recente surto de violência.

    
    
                     

Mande-nos seu comentário

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem