Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

PRIMEIRAS EDIçõES > ***

Jotabê Medeiros

Por lgarcia em 19/06/2002 na edição 177

COPA 2002

"Mesas-redondas sofrem com o conta-gotas de VTs imposto pela detentora dos direitos da Copa", copyright O Estado de S. Paulo, 16/06/02

"Zenon, Leivinha, Dadá Maravilha, Casagrande, Sócrates, Rivelino, Raul Plassmann, Júnior, Branco, Zagallo, Candinho, Milene Domingues. O mundo das mesas-redondas de futebol cresce consideravelmente na época da Copa do Mundo, e as emissoras rastreiam entre ex-boleiros aqueles que poderão vingar, render um caldo, abrilhantar no futuro uma missão impossível como a animação de um XV de Piracicaba e Matonense.

Mas há um problema: limitadas pela torneira de imagens controlada pela TV Globo (detentora dos direitos exclusivos de transmissão), as mesas-redondas carecem de lances polêmicos, de aprofundamento no exame de táticas e sistemas. É como se vivêssemos numa era pré-VT. Tudo virou muito blábláblá, tudo na base do ?quem é seu favorito??.

O motivo: cada emissora só pode dispor de 90 segundos de imagens ao dia, cedidas pela Globo. E a rede carioca também resolveu esta semana fazer clippings das imagens usadas nas concorrentes, para garantir a tática do conta-gotas.

Sobrevive-se da verborragia. Milton Neves comanda a mesa-redonda da Record.

Clima contínuo de barraco armado, Neves convidou – entre outros – o ex-lateral Branco para comentar os jogos, e acertou em cheio. Blasé, objetivo e descontraído, Branco tem dado aulas de malandragem e driblado os lugares-comuns em seus comentários.

Sócrates (como convidado de Juca Kfouri) e o ex-centroavante Dadá Maravilha (na Globo) parecem despontar como revelações dessa Copa do Mundo de palpiteiros. ?O problema desse time é que é muito sugestionável: disseram para eles que eles batem um bolão e eles acreditaram nisso?, disse Sócrates, sobre a seleção brasileira.

Mal-humorado e cheio de frases feitas, Rivelino também diverte no canal por assinatura Sportv. ?Futebol tem dessas coisas?, ?Quem não faz toma?, e por aí vai. Até a MTV, com Paulo Bonfá (ex-Sobrinhos do Athaíde), dá seus palpites, mas pela via do humor. Lá, o melhor é mesmo Hermes & Renato e seus quadros dantescos, com um Ronaldinho herzoguiano e piadas infames.

Falta imaginação também na hora de cunhar expressões. Não há nenhuma Dinamáquina esse ano, assim como outra Laranja Mecânica, mesmo com a fauna disponível – caso dos Powers Rangers da seleção japonesa.

Na Globo, a pose de emissora oficial soa antipática, embora o canal seja quase inevitável para o espectador. Depois de Brasil & Costa Rica, a emissora improvisou uma mesa-redonda no lobby do hotel da seleç&atiatilde;o. O técnico Scolari chegou direto do banho, recebido com piadinhas pelo triunfalista Galvão Bueno. O ex-lateral Júnior brincou com ele, dizendo que parecia filho de barbeiro, todo perfumado. Jornalismo e isenção raras vezes andaram tão divorciados."

 

"Cobertura da Copa usa recursos da Web com criatividade", copyright Comunique-se, 11/6/02

"Em tempos de eventos de repercussão global, como a Copa do Mundo, muitos sites jornalísticos aproveitam para criar novos adendos, a fim de buscar um diferencial para atrair o leitor. Uns optam por colocar as informações na forma mais detalhada possível, outros preferem se beneficiar das características naturais da Web, como a multimídia e a interatividade. Abaixo relacionei alguns especiais e coberturas online de qualidade que andei acessando.

A equipe do Guardian Unlimited, site do grupo do jornal inglês The Guardian, colocou no ar há algumas semanas um weblog sobre a Copa do Mundo de 2002. Até aí, nenhuma novidade. Mas o diferencial é que esse blog reúne as melhores notícias – na opinião da equipe do Guardian Unlimited – sobre o Mundial publicadas na Web. Além de notas postadas diariamente, o weblog carrega atrativos como a tabela dos campeonato, últimas notícias e trívia. Quem gosta de futebol, pode esperar notas bem curiosas sobre várias seleções e sobre o desempenho de alguns jogadores. Como eu venho dizendo, a cada dia que passa, sites noticiosos europeus estão cada vez mais virando referência.

O Yahoo!, além de hospedar o site oficial da Copa do Mundo, aposta na venda de um pacote de 15 horas de vídeo online exclusivo de jogos da Copa de 2002 por US$ 19.95. No mesmo pacote, é possível ver lances dos últimos nove mundiais. Uma versão de demonstração desse vídeo pode ser baixada gratuitamente.

A edição online do USA Today apelou para o bom e velho formato especial da Copa, que possui uma seção de conteúdo interativo (multimedia and interactive), onde é possível encontrar galeria de fotos de jogos, vídeos e arquivos de áudio. O site criou também, utilizando a ferramenta Shockwave Flash, um overview bem interessante do time norte-americano. Segundo Beau Dure, do USAToday.com, o site costuma criar ?overviews? semelhantes para eventos esportivos, como já fez com a Olimpíadas.

O Marca.com, um dos principais jornais esportivos da Espanha, além de – na minha opinião – ter feitos um dos especiais mais completos da Web, optou por criar uma seção de estatísticas detalhadas de cada jogo da Copa. Veja aqui as estatísticas do polêmico jogo do Brasil contra a Turquia.

De forma mais simples, o El Pais, do Uruguai, decidiu, a partir da utilização de frames, combinar as coberturas online de jogos – estilo lance a lance, ou text-ticker – com as estatíticas.

Voltando ao formato weblog – que, para difundir informações, foi bem aceito pelo público -, a Time.com criou um blog onde membros da sua equipe – e não somente redatores e colunistas de esporte – podem postar suas reações e comentários sobre os jogos da Copa.

Dona de um dos sites de informação mais criativos sobre a Copa de 2002, a Interactive Publishing colocou no ar uma coleção de coberturas online do evento feitas por sites noticiosos dos 32 países participantes do mundial. A coleção digital foi organizada por título, jogo e linguagem, para que os usuários possam buscar um assunto de forma mais precisa. Segundo Norbert Specker, fundador e CEO da Interactive Publishing, o objetivo da galeria é congelar um momento na história do jornalismo online. Specker acredita que a galeria será uma fonte bastante útil para se saber como uma determinada partida está sendo vista por jornais de outros países.

Imagino que os sites de notícias pelo mundo estarão cada vez mais atentos aos recursos que a Web oferece para se criar uma cobertura online. Nesse ponto, a criatividade também é fundamental. Espero que essa triagem tenha sido útil para quem quer se informar mais sobre a Copa e para quem trabalha com mídia online.

Até a próxima."

 

"Globo pode processar concorrentes por Copa", copyright Folha de S. Paulo, 11/06/02

"O departamento jurídico da TV Globo estuda processar emissoras concorrentes que estão veiculando imagens da Copa do Mundo, da qual tem exclusividade.

Na semana passada, a Globo contratou a Look, maior empresa de clipagem eletrônica do país, para monitorar a concorrência. A Look, na última sexta, enviou à Globo fita com compilação de nove programas que teriam utilizado irregularmente 1 hora e 32 minutos de Copa. Nesta semana, o jurídico deverá encaminhar as primeiras notificações às concorrentes. Se as emissoras continuarem infringindo regras, poderão ser processadas por uso indevido de direitos de exibição.

Para ceder a Copa, a Globo obrigou as concorrentes a assinar contrato em que se comprometem a usar só 90 segundos de imagem por jogo, em atrações jornalísticas e esportivos, após as 13h.

Até agora, foram encontradas duas irregularidades: o extrapolamento de tempo e a criação de novos programas, apenas para a Copa, o que seria, na avaliação da Globo, uma forma de exibir imagens da Copa à exaustão.

Os programas que teriam cometido irregularidades são ?Vitrine? e ?Hora do Esporte? (TV Cultura), ?Loucos por Copa? (ESPN Brasil), ?Depois do Jogo? (BandSports), ?Jornal da TV? (Rede TV!), ?Cidade Alerta? (Record), ?Mesa-Redonda Nova Geração? (Gazeta), ?Mesa-Redonda? (CNT) e ?MTV na Copa? (MTV).

OUTRO CANAL

Intriga 1

Os executivos do SBT estão de olho no Ibope e no ?Jornal Nacional?. O jornalístico da Globo anunciou sábado que a transmissão do jogo entre Brasil e China foi recorde de audiência. Não disse o número de pontos (69), mas falou em participação no total de televisores ligados (mais de 90%).

Intriga 2

Tempos atrás, o SBT foi impedido de anunciar no ar que estava em primeiro lugar no Ibope _principalmente no ?Domingo Legal?, quando o programa ainda era líder. Agora quer o mesmo tratamento do Ibope à Globo.

Tesoura

Empresa representante da Fifa enviou à AllTV, primeira emissora de TV brasileira na internet, notificação de que o site não pode veicular gols da Copa do Mundo. A AllTV já suspendeu as exibições.

Recorde

Em sua última semana no ar, a novela das oito da Globo, ?O Clone?, deve consolidar até sexta-feira média de 47 pontos na soma de todos os capítulos. É a maior audiência da Globo desde 97.

Ringue

A Band marcou média de 10 pontos transmitindo, na madrugada de sábado, luta entre Mike Tyson e Lennox Lewis. Foi o dobro da média do horário. Ficou em segundo lugar, só atrás da Globo."

***

"Solitários podem falsear recorde na Copa", copyright Folha de S. Paulo, 14/06/02

"Pode ser falsa a idéia de que esta Copa do Mundo está batendo recorde de público na TV. Os recordes são de pontos no Ibope, não exatamente de telespectadores individuais. Números como os 69 pontos de Brasil x China, no último sábado, se devem ao fato de que, de madrugada ou de manhã, as pessoas estão vendo os jogos sozinhas, no máximo em família, e não mais em grupo.

?Por causa do horário, temos a mesma quantidade de telespectadores, mas um número de televisores ligados muito maior. São horários em que as pessoas estão em casa e que não precisam ver o jogo no trabalho?, afirma Flávio Ferrari, diretor do Ibope Mídia.

A medição do Ibope é totalizada em pontos. Os pontos se referem à audiência domiciliar (47 mil domicílios na Grande SP cada um). Um ponto de determinado programa pode significar um número de telespectadores diferente do de outro. O Ibope não contabiliza audiências em grupos. Seu sistema só identifica os moradores de uma casa, ignora visitantes.

A ?Copa de pijama? emplacou ontem mais um número expressivo. Transmitido às 3h30, o jogo entre Brasil e Costa Rica deu 59 pontos de média à Globo, com picos de 64. Seria a mesma coisa que obter os resultados dos capítulos finais da novela ?O Clone? (cuja audiência máxima foi de 60 pontos) entre as 3h30 e 5h30. Foi a maior audiência em uma madrugada na história da TV brasileira.

OUTRO CANAL

Vinho 1

Exibindo um novo visual, com os cabelos castanhos bem claros, Marluce Dias da Silva, diretora-geral da Globo, almoçou anteontem em São Paulo com patrocinadores da Copa do Mundo, de campeonatos nacionais de futebol e da Fórmula 1. O motivo: comemorar os altos índices de audiência que a emissora vem obtendo com a Copa e torcer para o Brasil chegar até a final.

Vinho 2

Marluce disse que a Globo ?vive hoje o melhor semestre dos últimos cinco anos?. Pelo menos no Ibope é a mais pura verdade: os 38 pontos da Globo em maio, entre 18h e 24h, são a maior média mensal desde julho de 1996, ainda na ?Era Boni?. E ?O Clone? atingiu anteontem média de 47 pontos do primeiro ao 218? capítulo, melhor marca desde ?A Indomada? (1997), que teve 48.

Sombrio 1

Ainda é confusa a configuração da nova direção da TV Record. Há quem aposte que o bispo Clodomir dos Santos desbancou os concorrentes Paulo Roberto Vieira Guimarães e Manoel Francisco Silva na disputa pela presidência da emissora. Mas até as 13h de ontem não havia comunicado oficial.

Sombrio 2

Especula-se também que a nova diretoria será formada totalmente por bispos e pastores da igreja Universal. ?Técnicos? como Roberto Franco (vice para assuntos institucionais) e Luciano Callegari (superintendente artístico) devem deixar a emissora."

 

"Ronaldo toma máquina de jornalista", copyright O Estado de S. Paulo, 13/06/02

"Proprietário da revista gaúcha Goool, o jornalista José Aveline Neto pode processar o jogador Ronaldo por causa de uma máquina Polaroid de US$ 8. Segundo Aveline, o camisa 9 da seleção brasileira tomou sua máquina em uma boate de Seogwipo, onde comemorava a vitória sobre a China ao lado de Roque Júnior, Ronaldinho Gaúcho, Roberto Carlos, Juninho e Luizão.

Apesar de estar cobrindo a Copa do Mundo para a revista, Aveline afirma que não é fotógrafo e que utiliza a máquina apenas durante passeios e jogos da seleção. Ele não registrou nenhuma cena comprometedora envolvendo os jogadores, mas ao ser abordado por Ronaldinho alegou que, se não queria ser fotografado, o jogador deveria permanecer no hotel."

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem