Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

PRIMEIRAS EDIçõES > ***

Último Segundo

Por lgarcia em 19/08/2003 na edição 238

PARCERIA iG / PREFEITURA SP

"Prefeitura inaugura mais um Telecentro e serviço de e-mail gratuito para 300 mil pessoas", copyright Último Segundo (http://ultimosegundo.ig.com.br), 18/8/03

"A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, deu dois passos importantes, nesta segunda-feira, para a inclusão digital no município. A prefeitura inaugurou o Telecentro de Vila Maria e o serviço de e-mail gratuito @ecidadania, que contará com 300 mil contas de correio eletrônico.

As contas de e-mail gratuitos foram doadas pelo iG (Internet Group do Brasil) e serão usadas nos 64 Telecentros que já estão em funcionamento (incluindo o da Vila Maria) e nos outros 43 que a Prefeitura pretende inaugurar até o final deste ano. Cada Telecentro atende cerca de 3.000 pessoas por mês.

?A parceria com o iG dá acesso a e-mail para todos os que usam os Telecentros da Prefeitura. As 300 mil contas que recebemos hoje são suficientes para atender todos os usuários cadastrados no programa?, assegura Marta, que definiu os Telecentros como um dos programas mais bem sucedidos da sua gestão. ?Nunca tivemos nenhum problema nos Telecentros. Semana que vem atingiremos 71 Telecentros e até o final do ano serão 107?, diz.

Em reconhecimento à iniciativa do portal, o Fórum Empresarial de Apoio à Cidade de São Paulo concedeu o selo ?Esta Empresa Ajuda São Paulo?, entregue pela prefeita de São Paulo ao co-presidente do iG, Matinas Suzuki Júnior. ?Nosso objetivo é continuar criando ações para combater o analfabetismo digital, e o reconhecimento do Fórum Empresarial, ao conceder ao iG o selo ‘Esta empresa ajuda São Paulo’, é um incentivo para continuarmos com ações como a doação oficializada hoje?, diz Suzuki.

O Fórum Empresarial garante a ética e transparência das parcerias entre a iniciativa privada e a Prefeitura, divulgando o andamento desses projetos no site do órgão. Segundo o coordenador do Forum, Jorge Luiz Abrahão, um dos problemas cruciais da cidade de São Paulo é a exclusão social e a digital.

?As contas de e-mail são fundamentais na questão da auto-estima hoje em dia. A pessoa ter um e-mail é o mesmo que ter um RG e isso passou a ser fundamental para a pessoa se posicionar na sociedade, principalmente na periferia?, define Abrahão.

Acesso imediato

No domínio ?@e-cidadania.inf.br?, os monitores dos Telecentros poderão criar contas de e-mails para os usuários no momento em que se cadastrarem na unidade, para cursos ou uso livre dos computadores. Além de doar as contas de e-mail, o iG irá fazer a manutenção do sistema, garantir espaço em disco, estrutura de servidor e tecnologia.

Para facilitar o uso dos e-mails o iG criou uma página especial de acesso ao webmail com figuras, associando os ícones à função desejada pelo usuário. A página de acesso aos e-mails possui um layout específico para simplificar a navegação dos usuários dos Telecentros.

?A parceria com o iG irá integrar mais de 300 mil pessoas na sociedade da informação por meio do acesso a mais uma forma de comunicação, o correio eletrônico. O serviço se diferencia pela qualidade, além de divulgar o nome do projeto e-cidadania da Prefeitura de São Paulo?, conclui Beatriz Tibiriçá, coordenadora Geral do Governo Eletrônico do município."

 

INTERNET

"Número de usuários brasileiros de internet cai 8,42% em julho", copyright Portal Exame (www.exame.com.br), 14/08/03

"O número de usuários residenciais ativos de internet no Brasil caiu 8,42% no mês de julho, de acordo com o Ibope eRatings.com. O mês fechou com 7,25 milhões de internautas.

De acordo com Alexandre Magalhães, analista de internet do instituto, a queda pode estar relacionada a vários fatores, entre eles a queda na atividade econômica e o aumento do desemprego. ?Além disso, é possível que o movimento de queda seja um reflexo preventivo ao reajuste das tarifas telefônicas?, diz Magalhães.

Autorizado pela Agência Nacional de Telecomunicações no final de junho, o reajuste das tarifas ainda não foi aplicado efetivamente, já que as operadoras brigam na justiça contra uma série de ações que pedem o cancelamento do aumento. Entretanto, assim como foi observado no período do apagão, em 2001, é possível que os usuários de internet já tenham começado a reagir aos preços mais altos. ?Na época do apagão, quando ainda não se sabia sobre reajustes extras da tarifa de energia, os usuários tiveram o mesmo comportamento e diminuíram o uso da web?, afirma Magalhães.

Entre usuários homens e mulheres, elas são as mais cautelosas. Das 667 mil pessoas que deixaram de navegar em julho deste ano, 527 mil – ou 79% – eram mulheres. Também no apagão as mulheres usaram menos a rede. No primeiro mês da sobretaxa das contas de energia elétrica em junho de 2001, as mulheres perderam 2,3% de participação na composição da internet residencial ativa, caindo de 42,5% em maio de 2001, para 40,2% em junho do mesmo ano.

?Para os próximos meses, a tendência de queda no número de usuários ativos, dependerá do real impacto das tarifas de telefonia?, diz Magalhães. Ele acredita que quando os internautas verificarem o verdadeiro impacto no bolso, alguns retomarão suas atividades online regulares.

Os mais acessados em julho

O provedor de acesso gratuito iG voltou a ocupar o primeiro lugar do ranking dos domínios mais acessados. No mês de julho, sua audiência única chegou a 4 677 acessos, contra 4 575 registrados pelo UOL (provedor de acesso e conteúdo da Editora Abril e do Grupo Folha), que caiu para segundo lugar. O domínio terra.com.br ficou em terceiro, seguido pelo yahoo.com.br e pelo globo.com."

 


"Tarifa telefônica derruba número de internautas", copyright IDG Now (www.idg.com.br), 14/08/03

"O número de usuários residenciais ativos da internet brasileira caiu 8,42% em julho, segundo o Ibope eRatings, fechando o mês com 7,256 milhões de usuários. Não é a primeira queda registrada pelo instituto desde que começou a medir a audiência da Web, mas é a mais expressiva, de acordo com Alexandre Magalhães, analista do Ibope eRatings. ?Estamos observando o mesmo comportamento que o usuário teve com o apagão, mas agora com o aumento da tarifa de telecomunicações?, afirmou.

Na época do apagão, no primeiro semestre de 2001, o comportamento do internauta foi preventivo, reduzindo o consumo de energia, com resultados negativos para a audiência e para a quantidade de pessoas que navegaram pela Web. Agora, Magalhães acredita que acontece o mesmo efeito. ?Creio que neste primeiro momento foi preventivo?, avalia. ?Quando os usuários pagarem suas contas e verificarem o verdadeiro impacto no bolso, alguns internautas retomarão suas atividades regulares.?

Se o número de internautas caiu, as horas navegadas também bateram recorde em julho, atingindo 11 horas e 48 minutos, um crescimento de 9,29% em relação ao mês passado. Uma das razões para esta expansão são as férias escolares, com o grupo de professores e alunos tendo permanecido mais tempo na Web.

O analista do Ibope eRatings explica que os dois dados não se chocam. Na sua visão, quem deixou de acessar a internet são os usuários com menor poder aquisitivo, o que elevou a média das horas navegadas para cima pelo grupo mais rico, que sempre passou mais tempo na internet.

O relatório do Ibope traz também algumas observações interessantes sobre o comportamento de homens e mulheres. Assim como na época do apagão, foram elas quem mais deixaram de acessar a internet. Das 667 mil pessoas que não navegaram na Web em julho, 527 mil (79%) eram do sexo feminino."

***

"iG volta à liderança da Web brasileira", copyright IDG Now (www.idg.com.br), 14/08/03

"A briga pela liderança da internet brasileira teve mais um capítulo em julho. O iG, que havia perdido para o UOL no mês anterior, retomou o posto de número 1 em termos de audiência residencial, segundo os dados mais recentes do Ibope eRatings.

De acordo com a pesquisa de julho, o iG teve 4,677 milhões de audiência única, o que representa 64,46% do total de pessoas que navageram pela internet. O UOL, com 4,575 milhões, e 63,05%, vem logo a seguir.

Ambos tiveram queda do número de visitantes únicos em julho se comparado com o mês anterior, em razão da queda de 8,42% das pessoas ativas que navegam pela internet, de acordo com a pesquisa do Ibope eRatings.

Nas 10 primeiras posições poucas alterações. Só MSN e Google trocaram de posições, ficando com a sexta e sétima posição, respectivamente. Os 10 primeiros domínios mais bem poscionadas da Web brasileira são, nesta ordem, UOL, iG, Terra, Yahoo!, Globo. MSN.com, Google, Kit.net, Passaport.com e Bol."

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem