Sexta-feira, 17 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

PRIMEIRAS EDIçõES > TELETIPO

Menor infrator pode ser exposto na mídia britânica

Por lgarcia em 27/01/2004 na edição 261

TELETIPO

Nova lei britânica permite que a imprensa exponha menores com "comportamento anti-social". Segundo o Ato de Comportamento Anti-Social, está liberada ? exceto quando a justiça impuser restrições específicas a cada caso ? a divulgação de fotos e nomes de jovens que tenham praticado algum delito. Ativistas de defesa dos direitos das crianças manifestaram preocupação com a volta de seções como a "Shop a yob" (que significa algo como "busque um jovem mal comportado") do jornal The Sun, em que os menores são expostos publicamente. Mas a própria polícia apóia a iniciativa do diário. O disque-denúncia que ele criou teria sido inundado por mensagens de leitores com informações sobre delinqüentes de suas redondezas. Com informações do Guardian [20/1/04].

Em greve há mais de três meses, os supermercados do sul da Califórnia estão prejudicando o mercado editorial. Estima-se que tablóides e revistas tenham tido uma significativa queda de 20% em suas vendas. A explicação é que aproximadamente metade das vendas de revistas nos Estados Unidos é feita em supermercados. Revistas de moda, tablóides de fofocas e publicações periódicas de comportamento são expostas perto dos caixas dos mercados, e seduzem compradores com manchetes provocativas. Quem lucra com isso são as pequenas lojas de comida, que não foram afetadas pela greve, e vendem mais edições de revistas e jornais do que nunca. Mesmo assim, as vendas perdidas no gigante mercado do sul da Califórnia prejudicam até as grandes empresas de revistas dos Estados Unidos, como a Condé Nast Corp., a Hearst Corp. e a Time Inc..[Los Angeles Times, 19/01/04]

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem