Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

PRIMEIRAS EDIçõES > FRANÇA

Poucos recursos para canal internacional

Por lgarcia em 28/10/2003 na edição 248

FRANÇA

O Canal Francês Internacional de Notícias (CFII, sigla em francês), projeto debatido há pelo menos duas décadas e finalmente posto em prática pelo governo do presidente Jacques Chirac, um de seus entusiastas, tem gerado certa polêmica. A idéia é estabelecer, com recursos estatais, um canal de televisão noticioso que possa fazer frente à CNN e seus pares. A programação, no ar 24 horas por dia, será em francês, inglês e árabe. Contudo, críticos apontam diversos problemas. O maior talvez seja o orçamento: apenas US$ 82 milhões anuais ? contra US$ 1,2 bilhão da CNN ? e sem perspectiva alguma de gerar lucro.

Defensores do canal rebatem que suas operações devem se restringir à França e que o material de outros países virá das emissoras parceiras France Television e TF1 ? companhia privada que impôs a restrição de que o CFII seja transmitido apenas no estrangeiro, para não fazer concorrência com seu canal de notícias pago LCI. Isso cria outro problema potencial: os franceses querem que seus impostos sejam usados numa emissora apenas para estrangeiros? A audiência potencial das áreas em que primeiro será transmitido ? Europa, África e Oriente Médio ? não foi pesquisada.

O fato de todo o orçamento ser bancado pelo governo gera dúvidas quanto à independência editorial do CFII. "Claramente, sua criação é um movimento político", conclui o analista de mídia Jean-Marie Charon. Só o tempo dirá qual será o resultado do plano francês de oferecer resistência ao domínio americano da imprensa televisiva internacional. Com informações de Stephanie Trastour e Christina Passariello, da BusinessWeek [23/10/03].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem