Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

PRIMEIRAS EDIçõES > INCÊNDIO NO XUXA PARK

Sabrina Petry

Por lgarcia em 20/01/2001 na edição 105

INCÊNDIO NO XUXA PARK

"Incêndio na Globo deixa 5 em estado grave", copyright Folha de S. Paulo, 13/01/01

"Cinco pessoas, entre elas duas crianças de 5 e 7 anos, que participavam da gravação do programa ‘Xuxa Park’ estão internadas em estado grave com queimaduras e intoxicação, causadas pelo incêndio que atingiu o estúdio na noite de anteontem.

O programa estava sendo gravado no estúdio F do Projac (a cidade cenográfica da Rede Globo), em Jacarepaguá (zona oeste do Rio), quando, por volta das 20h45, começou o fogo na nave espacial usada pela apresentadora Xuxa para entrar e sair do palco.

O incêndio espalhou-se rapidamente, causando pânico nas cerca de 300 pessoas (200 crianças e 100 adultos) que estavam no estúdio. As chamas destruíram completamente a nave e o elevador hidráulico que a sustenta. O estúdio ficou coberto de fumaça e fuligem.

A Defesa Civil e a brigada de incêndio do Projac atenderam 26 pessoas: 19 com intoxicação, uma com fratura no braço direito, uma com hipertensão e cinco com queimaduras. Dessas, 14 continuam hospitalizadas.

Segundo a Globo, Xuxa só deixou o estúdio depois da retirada de todos do local. Ela ainda acompanhou a internação dos feridos mais graves no Barra D’Or, na Barra da Tijuca (zona sul), de onde saiu às 5h. À tarde, ela visitou outros quatro feridos que estão internados no Hospital Rio Mar.

Segurança

O caso mais grave é o do segurança particular da apresentadora, Leonílson Vieira de Oliveira, 47. Ele, que foi internado no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do Hospital Barra D’Or, está com insuficiência respiratória aguda, causada por inalação de gases tóxicos, e teve 90% das vias respiratórias queimadas.

O segurança respira com o auxílio de aparelhos e toma remédios para manter as funções vitais. Ele teria sido o último a deixar o estúdio. ‘Ele só saiu de lá depois de tirar todo mundo’, contou a irmã do segurança, Sandra Helena.

Ela disse que o irmão, que é casado e tem um filho de 9 anos, faz a segurança de Xuxa há 14 anos. ‘Ele era a sombra da Xuxa e adorava o que fazia. Ele jamais conseguiria sair de lá sabendo que outras pessoas ainda corriam perigo’, disse a irmã.

Silvana Oliveira Souza, 38, e Flávio Luiz Olímpio de Souza, 16, também internados em estado grave no CTI do Barra D’Or, sofreram intoxicação por gases tóxicos e queimaduras nas vias respiratórias. Eles respiram com a ajuda de aparelhos. Os dois, que apesar do sobrenome não são parentes, acompanhavam crianças que foram ver as gravações

A diretora do hospital, Martha Savedra, explicou que as queimaduras foram causadas pela inalação de gases tóxicos superaquecidos, liberados durante o incêndio.

Outras três pessoas que sofreram intoxicações leves aguardam alta médica do hospital.

Thamires Gomes Vallejo, 7, internada no CTI do Hospital da Aeronáutica (Ilha do Governador, zona norte), em estado grave, teve 34% do corpo queimado.

Ela sofreu queimaduras de primeiro, segundo e terceiro graus e, segundo o boletim médico divulgado à tarde, ‘uma extensa queimadura nas vias respiratórias’, consequência da inalação de gases tóxicos aquecidos. A menina ficou presa na roda-gigante que faz parte do cenário. Ela foi retirada pelo segurança de Xuxa.

De acordo com o boletim, Thamires está ‘sedada, entubada e respirando por aparelhos’.

O garoto Marcos Vinícius Ventura, 5, hospitalizado na clínica São Vicente (Gávea, zona sul), teve 40% do corpo queimado e seu estado é grave, porém estável, segundo os médicos.

Perícia

Ontem, peritos do ICCE (Instituto de Criminalística Carlos Éboli), da Polícia Civil, estiveram no Projac. Eles chegaram às 10h45 e saíram duas horas e meia depois. A imprensa foi impedida de acompanhar a perícia.

O diretor do ICCE, Sérgio Henriques, disse que o estúdio ficará interditado por tempo indeterminado, ‘até que saia o laudo da perícia’. Segundo ele, as únicas instalações do cenário que foram destruídas pelo incêndio foram a nave da apresentadora e o elevador que a sustenta.

‘Já tenho quase certeza da causa do incêndio, mas não posso adiantá-la porque ainda faltam dois exames complementares’.

A Folha apurou que um curto-circuito no elevador hidráulico que sustenta a nave teria causado as chamas. O laudo deve sair na segunda-feira.

O delegado Zaqueu Teixeira, titular da 32ª Delegacia de Polícia, abriu inquérito para apurar as responsabilidades pelo acidente.

Teixeira disse que começará a ouvir as testemunhas na segunda-feira. A primeira delas deverá ser a apresentadora Xuxa. (Colaborou Pedro Dantas, free-lance para a Folha)"

"Emissora promete assistência", copyright Folha de S. Paulo, 13/01/01

"A Rede Globo anunciou ontem, em nota oficial divulgada pela Central Globo de Comunicação, que se responsabilizará pela ‘assistência necessária para os feridos e suas famílias’.

A hospitalização das 26 pessoas que ficaram feridas no incêndio foi providenciada pela emissora. A equipe de médicos e bombeiros da Globo foi responsável pela aplicação dos primeiros socorros às vítimas do incêndio, na noite de anteontem.

Na nota, a Rede Globo informa que o fogo, iniciado por volta das 20h45, foi ‘rapidamente controlado pela brigada de incêndio do Projac’ logo depois de ter sido ‘detectado pelos sensores de fumaça’ instalados no local.

A retirada das cerca de 300 pessoas que estavam dentro do estúdio F -onde acontecia a gravação do programa Xuxa Park- ocorreu, de acordo com o informe da emissora, ‘segundo as normas previstas’.

‘Todos os sistemas de segurança funcionaram com eficiência’, afirma a nota da Globo, que não possui assinatura.

A emissora, no trecho final da nota, elogia os procedimentos adotados pelos profissionais que estavam trabalhando durante a gravação do programa.

‘A TV Globo lamenta profundamente esta fatalidade e manifesta sua solidariedade às famílias e gratidão às suas equipes de segurança e operação, que, com coragem, colaboraram para que esse acidente não tivesse maiores proporções’, informa o documento oficial da emissora."

"Juiz Siro Darlan faz visita a hospitalizados", copyright Folha de S. Paulo, 12/01/01

"O juiz da 1ª Vara da Infância e Juventude do Rio de Janeiro, Siro Darlan, percorreu, ao lado de assessores da Rede Globo, durante toda a tarde de ontem, os cinco hospitais da zona sul da cidade em que os feridos durante o incêndio foram internados.

‘Queria acompanhar de perto o estado de cada paciente’, disse. Ele afirmou que, ‘do ponto de vista legal, não houve nenhuma irregularidade em relação à entrada de menores no programa’.

‘Só a perícia dirá, entretanto, se as instalações elétricas do estúdio oferecem algum tipo de risco para as crianças’, afirmou. Darlan é o juiz que proibiu a participação de menores na gravação da novela ‘Laços de Família’, da TV Globo, em setembro do ano passado.

Segundo ele, o Projac é um local seguro. ‘Mas grandes aglomerações sempre oferecem algum tipo de risco a crianças e adolescentes’, completou.

Ele disse que todos os menores da platéia do ‘Xuxa Park’ estavam acompanhados dos pais. Os pais de Thamires Gomes Vallejo, 7, Maria da Penha e Sérgio Lucas, disseram, no entanto, que ela assistia à gravação ao lado apenas da irmã de 16 anos.

Thamires foi socorrida por bombeiros do Projac e levada para o Hospital Barra D’Or. Somente após a chegada dos pais, por volta das 4h30, foi transferida para o Hospital da Aeronáutica.

O juiz elogiou a atuação da emissora no socorro às vítimas do incêndio. ‘A produção do programa está dando total apoio aos feridos. O socorro, feito tanto pela brigada de incêndio, quanto pelos funcionários do estúdio, foi rápido e eficiente’, afirmou.

‘Falei com a Marlene Matos pela manhã. Ela ficou de me enviar um relatório completo sobre o acidente. Não recebemos nenhuma denúncia sobre negligência, o que significa que tudo o que estava ao alcance da emissora foi feito’, completou.

Ele classificou o episódio como ‘acidente lamentável’ e informou que uma equipe de comissários de menores acompanhará o atendimento às crianças."

Volta ao índice

Circo da Notícia – próximo bloco

Circo da Notícia – bloco anterior


Mande-nos seu comentário

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem