Domingo, 17 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

Programa nº 1080

>>A pizzaria federal
>>Aqueles que se lixam

Por Luciano Martins Costa em 16/07/2009 | comentários

Ouça aqui

Download

A pizzaria federal


A manchete do Globo desta quinta-feira: “Lula chama senadores de pizzaiolos e abre nova crise”.


A frase provocativa e debochada do presidente da República também é destaque nos outros jornais de circulação nacional.


Mas há controvérsias se o deboche, em si, é factóide suficiente para abrir nova crise ou mesmo para agravar a crise que tem como epicentro o gabinete do presidente do Senado Federal.


Para o cidadão comum, leitor de jornais, o próprio noticiário dos últimos meses justifica a frase inapropriada.


Então, vejamos: desde janeiro deste ano, o Congresso Nacional vem sendo citado pela imprensa como fonte de escândalos.


Já passaram pelas páginas dos jornais e pelos noticiosos eletrônicos o caso do dono do castelo que foi indicado corregedor da Câmara dos Deputados, as trocas de favores na contratação de parentes, as fraudes no uso de verbas indenizatórias e a farra das passagens aéreas.


Nenhum dos grandes partidos ficou ileso. Tanto parlamentares da base governista como representantes da oposição apareceram como protagonistas desse festival de escândalos.


E nada aconteceu. Ninguém foi sequer denunciado.


Depois disso, veio a revelação de que, desde 1995, o Senado vinha sendo administrado clandestinamente, por meio de decisões secretas que não eram publicadas no Diário Oficial.


No noticiário fragmentado que se seguiu, ficou claro que o senhor por trás dessa prática pouco transparente era o próprio presidente do Senado, José Sarney.


Foram nada menos do que 663 medidas administrativas, quase todas tratando de criar privilégios para funcionários ou nomeando parentes e protegidos para cargos sem função, mas bem remunerados.


Apenas o esforço isolado do jornal O Estado de S.Paulo permitiu explicitar a extensão das falcatruas e sua origem: o gabinete do presidente do Senado.


E o que aconteceu até o presente momento? – A pizza foi levada ao forno. 


Aqueles que se lixam


A frase infeliz e desrespeitosa do presidente da República, ao afirmar que os senadores da oposição são “bons pizzaiolos”, não se justifica dentro dos parâmetros de respeito que devem um ao outro os poderes da República.


Mas retrata uma realidade que a imprensa vem relatando e justificando há muito tempo: o poder Legislativo se transformou num clube dos cafajestes, no qual o interesse público foi substituído pela acomodação dos interesses privados dos parlamentares.


E a tocha olímpica do descalabro passa nesta semana para as mãos do deputado gaúcho Sérgio Moraes, aquele que declarou há dois meses que se “lixava” para a opinião pública.


Ao comemorar o arquivamento, no Conselho de Ética, do processo contra o deputado Edmar Moreira, o senhor do castelo, Sérgio Moraes declarou aos jornalistas que lucrou com a polêmica sobre suas declarações.


Disse que ganhou muitos pontos ao manifestar seu desprezo pela opinião pública. “Nunca recebi tantos convites na vida, ganhei espaço”, comemorou o parlamentar.


Mesmo com a gravidade das acusações que pesam contra ele, José Sarney segue senador e presidente do Congresso. Edmar Moreira segue deputado e dono de castelo, apesar das evidências de ter fraudado prestações de conta de verbas indenizatórias, e o deputado Sérgio Moraes se canditata a prosseguir em sua carreira política tendo como plataforma eleitoral o cinismo puro e simples, a mais deslavada cara de pau.


A imprensa apenas registra.


E nada acontece, o que de certa forma dá razão ao deputado que “se lixa” e levanta uma questão relevante: por que uma parte da opinião pública não se sensibiliza com o noticiário da imprensa?


Talvez porque, no fim das contas, a imprensa também contribui para a avacalhação geral.


Nos últimos meses, a imprensa antecipou e extrapolou os efeitos da crise econômica, relegou a segundo plano os ataques dos ruralistas ao patrimônio ambiental, exagerou no noticiário sobre a chamada gripe suína e principalmente tomou partido em questões políticas, ao fazer uma seleção arbitrária dos escândalos que valem um esforço de reportagem.


E agora, ouve em silêncio o deputado cara de pau comemorar a popularidade que ganhou ao “se lixar” para a opinião pública.

Todos os comentários

  1. Comentou em 17/07/2009 Jose Carlos Dias Santos

    Interessante! Lula pode ser chamado de ‘ APEDEUTA, PETRALHA, CORRUPTO, DEMAGOGO, LADRÃO, POPULISTA, FILHOTE DE CHAVES’ e tudo de ruim que possa existir. E os senadores não podem ser chamado de PIZZAIOLOS, quando qualquer cidadão brasileiro sabe que ali no sendado todos são corruptos mesmo.

  2. Comentou em 17/07/2009 Gilberto Scofield

    ‘ exagerou no noticiário sobre a chamada gripe suína’. Exagerou provavelmente porque não foi o seu filho um dos 11 que, até agora, morreram por conta da epidemia no Brasil. Estou cansado de ‘analistas da grande imprensa’ que. da tranquilidade de suas carreiras oblívias, só veem erros na gigantesca tarefa que é reportar esse país.

  3. Comentou em 17/07/2009 nilton franzoi

    É como disse Carlos Rajão, estamos voltados nos motivos de uma notícia do que a própria notícia. Já fomos muito enganados e usados pela mídia, agora para nós, não é manchete nenhuma de que o Congresso é repleto de corrupção, mas quem costuma se fundir com ela do meio da imprensa, como aqui em Joinville acontece muito, radialista e jornalistas mancomunado com PSDB e DEM, até mesmo PMDB em prol de favores e privilégio.

  4. Comentou em 16/07/2009 Fabio Passos

    Esta afirmação do presidente Lula é um absurdo! Inadimissível! O presidente Lula precisa se retratar e pedir desculpas imediatamente… para os pizzaiolos.

  5. Comentou em 16/07/2009 Napoleão Oliveira

    Creio que em breve, os verdadeiros pizzaiolos farão sua defesa por terem sido comparados a alguns dessa ‘turma’ de senadores da minha pátria.

  6. Comentou em 16/07/2009 Heitor Diniz

    Os limites da verborragia de Lula são mais elásticos do que a mais elástica imaginação. Não, ninguém duvida que a maior pizzaria do Brasil está situada em Brasília, mais precisamente na sede do Congresso Nacional. Isso é pressuposto, premissa básica, está no DNA da instituição. Ao chamar os senadores de bons pizzaiolos, em vez da censura, Lula deveria receber apenas um puxão de orelhas, por ser o porta-voz das maiores obviedades na vida política nacional. Nunca antes na história deste país um presidente foi tão previsível em suas declarações. No entanto, o tom de deboche e a certeza de impunidade que povoam a fala de Lula nem de longe são adequados ao Chefe de um dos Poderes da República. Convém mais às arquibancadas. A despeito de ser sempre engraçadinho, Lula perde a mão mais uma vez no tom e no conteúdo do que diz. Tarso Genro saiu em defesa de Lula, dizendo que ‘a expressão utilizada não desconstitui a imagem do Congresso’. Tarso está corretíssimo. A fala do presidente não desconstitui nada. O que ela faz mesmo é constituir o que é a ‘Casa dos Horrores’. Se realmente acha que os senadores são bons pizzaiolos, seria papel de Lula usar todos os instrumentos legais possíveis para fazer com que essa situação mude…

  7. Comentou em 16/07/2009 Marco Antônio Leite

    Eu vou pagar pra ver, o político vai provar do mesmo veneno que estamos experimentando hoje, nesse dia a felicidade eu quero conhecer. Se é que existe contentamento estarei festejando a morte lente e gradual do político corrupto e sofista profissional. Liga-se corujão você será enterrado de ponta cabeça, a fim de não ter oportunidade de sair da vala comum que você ira morar sem pompas e nem flores.

  8. Comentou em 16/07/2009 Mariano Becker

    Lula falou da hipocrisia e cinismo da oposição, que com a cumplicidade da grande mídia, pratica diariamente seu MORALISMO SELETIVO.

  9. Comentou em 16/07/2009 Gersier Lima

    Quem disse ‘e abre nova crise’?O Globo.o jeito é rir do surrealismo dessa máfia travestida de imprensa.’A frase infeliz e desrespeitosa do presidente da República, ao afirmar que os senadores da oposição são “bons pizzaiolos”, não se justifica dentro dos parâmetros de respeito que devem um ao outro os poderes da República.’Ah,é só eles,a oposição é que podem desrespeitar não só o Lula mas também os seus familiares e amigos a vontade. A seletividade faz de conta que ele não estava respondendo a uma pergunta cretina feita por um cretino travestido de repórter,que insistia na provocação .Acordem,a maioria dos brasileiros deixou de ser os eternos manipulados.

  10. Comentou em 16/07/2009 Marcos Chaves Chaves

    ‘ por que uma parte da opinião pública não se sensibiliza com o noticiário da imprensa?’
    Porque a sociedade brasileira não acredita na isenção da cobertura que a mídia faz sobre os acontecimentos políticos, principalmente.
    No mais, o cidadão e o presidente tem todo o direito de dizer o que de fato pensa sobre os nossos parlamentares, que ainda estão instalados naquelas casas legislativas como inquilinos indesejados.

  11. Comentou em 16/07/2009 Zé da Silva Brasileiro

    Dessa vez o Presidente realmente pisou na bola. Confundir os pizzaiolos, empresários e trabalhadores que trabalham honestamente e pagam seus impostos, com aquela gente que ‘representa’ o povo no senado federal não tem justificativa.

  12. Comentou em 16/07/2009 Marco Antônio Leite

    PIZZAIOLOS de mão cheia de corrupção trabalhando na PITIZZARIA do Senado. Pizza comida adorada pelos Senadores, a qual é feita de massa de pão, sobre a qual se dispõem camadas de interesses pessoal ou de grupo. Os PIZZAIOLOS fazem PIZZA coberta com conchavos, já outras são feitas de perdoar o Senador errante, bem como, aquele que vai uma pitada de desvio de verba. Tem PIZZA para todos os gostos, aquela que atende o paladar da escol dominante, já outras atendem hábitos de políticos espertos que comem na calada da noite. A PIZZA mais consumida na PITIZZARIA é a que atende o nepotismo dos Senadores de plantão, tem também PIZZA de gastança de dinheiro público e de desvio de verbas em geral. Para fechar esse jantar eles abrem uma garrafa de um bom VINHO e, para terminar comem como sobremesa muita MARMELADA. Em suma, estão faltando bons PIZZAIOLOS nas PITIZZARIAS da iniciativa privada

  13. Comentou em 16/07/2009 José Mariano

    Se o próprio Excelentíssimo Senhor Presidente da República afirma que Collor é o cara, fica evidente que estamos num período da mais alta corrupção estrutural já vista no país. Merecedora, neste caso, de algum jornal impresso corajoso que estampe editorial na capa, justamente lembrando alguns pontos levantados por você, Luciano Martins Costa. É bom relembrar o que muitas vezes a grande imprensa esquece.
    Mas eles não são normais. São casos que devem ter tratamento diferenciado em todas as instâncias supostamente democráticas do país. Afinal, não é qualquer um que tem castelo. Muito menos, certa imunidade parlamentar ou CPI de araque.
    Com tudo isso, o que poderíamos esperar? Que caia do céu a justiça divina e nos redima? Ou a saída será mais drástica? Além do mais, a incredulidade com relação aos políticos e à política avança como pandemia irrevogável no Brasil. In-diferença. Lixo. Luxo.
    É o fim da história? É o fim das utopias fracassadas? Quando, efetivamente, se instalará uma crise capaz de gerar uma desordem e quiça uma nova ordem? Você, caríssimo leitor, acredita que tudo se resolverá nas próximas eleições?
    Tudo como dante na casa de Abrantes. Infelizmente. ‘Democracia capitalista’ tem seu preço. E lembre-se de que não há almoço de graça.
    A malandragem política se explica:
    ‘estou me lixando pra opinião pública’!

  14. Comentou em 16/07/2009 Marco Antônio Leite

    MALANDRO é MALANDRO, MANÉ é MANÉ! MALANDRO é o político que promete e não cumpre nada do que disse no seu famigerado discurso de MALANDRO mor. MANÉ é aquele que acredita naquilo que o político prometeu e não cumpriu. MALANDRO é o candidato a LADRÃO que sobe o MORRO para pedir votos, entra no barraco do Zé Pinguinha e toma aquele café água de batata, pega criança no colo não importa se ela esta mijada ou não, come o resto de comida mesmo dentro de um penico fétido somente para fazer média com o morador do barraco, o qual foi financiado pela burguesia malvada e desumana. Seguindo sua saga entra na tendinha do cabeção e toma uma cachaça, aperta um baseado e fuma com a galera, a fim de angariar os votos dos irmãos muito loucos. MANÉ é o eleitor que acredita que toda essa palhaça esta no papel de ator do safado e acaba votando no MALANDRO. MALANDRO é o candidato que se elege e, depois manda prender o MANÉ que o elegeu. MALANDRO é MALANDRO, MANÉ é MANÉ! Para um MALANDRO tem milhões de MANÉS. Por isso no Congresso Nacional a MALANDRAGEM anda solta fazendo o que bem entendem com o dinheiro do povo. Deste lado os MANÉS nada fazem para mudar a atual conjuntura de balburdia que esta instalada no país faz de contas.

  15. Comentou em 16/07/2009 Lázaro Machado

    No Congresso Nacional, tudo que é sórdido desmancha no ar. Acho que os pizzaiolos se dividem em duas categorias: os que preferem linguiça calabresa (Arthur Virgílio) e os que preferem se lambuzar com muzzarella.

  16. Comentou em 16/07/2009 Ney José Pereira

    E esse tal Lula é o polenteiro federal!.

  17. Comentou em 16/07/2009 MANO NUNES

    …em fim o presidente, agora SABE, o que todo brasileiro já sabia, e ainda tem congressista que se ofende, vejam vocês! impressionante. Ao fato que eles mesmos deveriam se auto-intitular-se. Que situação clara e incontestável de passividade…

  18. Comentou em 16/07/2009 Cristiana Castro

    Bem, o Lula disse o que é verdade, ninguém mais tem saco pra isso. Todo mundo já tá careca de saber que essas CPIs são pra Imprensa vender jornal e aumentar a audiência e para a oposição aparecer na mídia. Não entendo pq esse drama, é por isso que Lula tem 80% de aprovação, pq fala o que é e não o que fica bonito na Globo. Então temos, que ‘ até o mundo mineral’ já sabe que a imprensa é parte, não é observadora da situação. Temos de um lado oposição e imprensa e de outro grande parte da população e o Executivo e é essa divisão,muito clara,que permite que um parlamentar diga que se lixa para a opinião pública, ele e o ‘ mundo mineral ‘sabem que não é opinião pública e sim, manifestação de uma das partes envolvidas, ou seja, o PIG. Não adianta colocar em todos os jornalões que a fala de Lula abre nova crise pq todo mundo sabe que não tem nada disso, que a imprensa vai tentar se aproveitar da fala para incensar os seus aliados. A questão é que isso não cola mais e parece que há uma resistência infantil em aceitar o fato. Pior que a declaração de Lula foi a manifestação dos ofendidos em cadeia nacional, sem que um repórter perguntasse, mas vem cá, V. Excia tá chorando pq? Alguma vez V.Excia já atuou em alguma CPI que tivesse resultado diferente? Fala sério.

  19. Comentou em 16/07/2009 Luciana galera

    Acredito que a imprensa contribui na fabricação ou derrubada ds ‘pizzarias’,conforme a sua ‘fome de notícias’ ou a necessidade de se atingirem determinados fins,nem sempre saudáveis em relação à opinião pública…Infelizmente,grande parte da massa formadora desta mesma opinião,encontra-se ,literalmente,faminta de alimento,educação,saúde,moradia,emprego…o que facilita a manutenção da pizzaria dos nossos congressistas,na esperança de receberem uma fatiazinha que seja.É pena que não percebam que pizza não enche barriga…assim como promessas…

  20. Comentou em 16/07/2009 calypso thereza escobar velloso

    gostei,senhor Luciano,um tanto d´agua p/esfriar esta trama que carrega nosso dinheiro e nos deixa desvelados no deserto de fanáticos por dinheiro e poder(este está desmilinguindo).Manchetearam a prisão do filho, do pai Sarney,logo agora que entraram em férias?É outro caráter recalcado,eu lhe juro que estou como que num processo de bruxaria,dançando no meio da fogueira.Qual a razão de o povo não mandar todos eles se lixarem com os bolsos vazios?Uma futura-presente proposta….Ignácio,vivo e colaborador da sujeira,agora vai carregar mãe dirnah e começar tudo de novo,.,,eleitores abram os olhos,não somos soldados mutilados ou somos????.O OUTRO,CHEFE OU GENERAL vamos mandar se ‘lixar’,certo? Estou de bom humor,nenhuma raiva canina,grata calypso

  21. Comentou em 16/07/2009 Marcelo Ramos

    Por essas e por outras é que os grupos de comunicação travam uma
    verdadeira batalha: a batalha da baixaria. Lembro há uns 10 anos
    atrás, quando começaram aqueles programas de baixaria na TV, – um
    deles o do Ratinho – minha espôsa comentou que a baixaria chegou
    no limite, como o Ratinho. Eu respondi que, diante dos competidores
    do Ratinho (João Kleber, que agora nem pode mais apresentar
    progrma de TV; e Gugu, que armou uma com o PCC) o Ratinho até
    que era light. Estamos assim hoje. Não sabemos o que é pior, as
    coisas ‘novas’ que aparecem no sexnado ou as intenções daqueles
    que as publicam. Acho que valem alguns ditados populares: ‘É tudo
    farinha do mesmo saco’, ou ‘Ri melhor quem ri por último’. Vocês já
    viram a reportagem da Época, que descobriu que o Agaciel tinha até
    matadouro dentro do sexnado, e que costumava ‘despachar’ com a
    secretária com a pontualidade britânica e no mesmo horário do
    tradicional chá? O que falta para o sexnado ser um prostíbulo, se até
    sexo se compra e vende ali? Agora, que é engraçado o Globo posar de
    inocente… é de escangalhar de rir.

  22. Comentou em 16/07/2009 jean lopes

    a partir de hoje sou seu fã,excelente cometario.

  23. Comentou em 16/07/2009 Jose de Almeida Bispo

    CRISE! A crise. Sua majestade, a Crise. Motor e razão de ser das ‘famiglias’ que controlam o que ouvimos ou lemos na mídia tradicional. Tudo é crise. Tudo vira crise. Crise, crise, crise. Não existem mais jornalistas; existem crisistas. Lula disse… é crise! O macado do zoologico soltou um pum: é crise. A mídia avacalhou geral a crise. Não existem mais crises ‘de respeito’. Crises que valem milhões?… Que! agora se compra crises aos centavos. É o mantra preferido de dez em cada dez ‘aquários’. O jornalista até que quer chamar de outro nome mas, o ‘aquário’, impondo sua autoridade: É CRISE! Esculhambaram a crise. Tá tão comum que nem casca de banana em fim de feira. O que já foi a crise! Crise dos mísseis em Cuba… ih! Quase o mundo foi todo pelos ares. Crise dos sudetos, da Polônia… Primeira Guerra Mundial!
    Que não se dá ao respeito não pode exigir respeito. Mentir, pode; mas, pelo menos com um pouco de classe. Mentir como vem fazendo a mídia das ‘famiglias’ e seus satélites nos últimos tempos… Querem me chamar de otário, é?

  24. Comentou em 16/07/2009 Carlos Rajão

    Quem, em sã consciência, acredita no que a imprensa diz?
    Depois da eleição de Lula, todos perceberam o jogo jogado pela imprensa, hoje chamada de PIG.
    Ao ler uma manchete, buscamos primeiro o que está por trás dela.
    Mesmo quando a matéria é favorável ao governo, sempre se pensa o motivo da matéria, o que estaria pretendendo alcançar junto ao governo.
    Eu só leio jornal agora quando encontro em ônibus ou hotel.
    Comprar, jamais.

  25. Comentou em 16/07/2009 Raimundo Rodrigues

    Porquw é que a grande Imprenssa não procura investigar os atos da primeira secretaria do Senado?. Será porque é ocupada pelo DEM/PFL.

  26. Comentou em 16/07/2009 Leni Aparecida Aparecida

    Realmente a impresna contribui para a avacalhação geral, até porque é beneficiada com propagandas oficiais.
    Para endtender o que anda acontecendo na politica leiam o site ‘Jornal Pequeno’ e ‘Relatório do CNJ no Judiciário do Maranhão’

  27. Comentou em 16/07/2009 Everton Almeida

    Parabéns pela análise. É preciso que a imprensa reflita seus valores e corte na carne por um jornalismo mais isento e objetivo com menos ideologia partidária.

  28. Comentou em 16/07/2009 henrique rodrigues

    Aquele reporterzinho impertinente teve a resposta que mereceu. E até parece que os membros da oposição são virgens imaculadas, sensíveis aos despautérios do mister Lula.

  29. Comentou em 16/07/2009 Adir Tavares

    SENADORES SÃO PIZZAIOLOS,MAS DE PÉSSIMA QUALIDADE.AO
    FAZER AS PIZZAS ELES ROUBAM O QUEIJO,O MOLHO,O RECHEIO
    E O COMENSAL.
    Aposentado Invocado

  30. Comentou em 16/07/2009 Odracir Silva

    O grande problema do caro Luciano Martins da Costa ee q os seus artigos sao viesados. Neste artigo, por exemplo, ele escreve somente a metade q lhe interessa. Nao escreve q o pres. Lula foi a pessoa quem colocou a pizza no forno do senado. Primeiro ajudando o Sarney ao enquadrar a bancada petista no senado. Depois falando em um discurso q o pizzaiolo Renan Calheiros ee uma peca importante p/ o seu governo. E ainda por cima o caro Luciano vem c/ ‘velha’ tatica petista de falar q todo mundo ee corrupto (‘velha’ de tanto usar desde q ganharam as eleicoes, pq antes do gov. Lula, eles diziam q eram os unicos honestos).

  31. Comentou em 16/07/2009 Dante Caleffi

    Crise é a gazua sensacionalista de editores medíocres. Qualquer que seja ela.Ou inventa-se,ou multiplica-se,ou agrava-se. Lula até que é bem mais civilizado do que seus detratores,que da tribuna ameaçaram-lhe de agressão física.Qualquer néscio contemplando a primeira página ,da edição de hoje do ‘O GLOBO’,constata o desespero da redação e a penúria
    criativa,que tomou conta do decadente periódico dos marinho.
    Repetem à exaustão as mesmas ‘informações’,embora com reiterados desmentidos.Vê-se que a idoneidade e o diploma profissional ,tiveram o mesmo destino.Restando, apenas, este espaço anárquico e pantanoso,da ‘net’,como fonte de informação e contestação.

  32. Comentou em 16/07/2009 Washington Ferreira

    Brilhante, simplesmente brilhante. Luciano expõe, com poucas palavras, o que é realmente a verdadeira crise do País. Parabéns, e que outros observadores possam adotar a mesma linha analítica ao invés de fulanizar o debate. O público leitor deste OI agradece penhoradamente.

  33. Comentou em 16/07/2009 Adson Fernandes da Silva

    Parabéns ao Luciano Martins Costa, parabéns ao observatório.
    Moro nos EUA, mais precisamente na cidade de WATERTOW, faz parte da grande Boston. Acompanho atentamente as publicações sobre a política no Brasil e sinceramente, não conheço nenhum outro veículo de comunicação que trata o jornalismo com a seriedade do observatório da imprensa.

  34. Comentou em 16/07/2009 Marcia Silva

    Quero parabenizar a toda a equipe pela qualidade das reportagens desse site. Mas gostaria de pontuar que a resposta de Lula sobre os pizzaiolos (que não deixa de ser verdade) foi posterior a uma pergunta questionando-o se a mistura de pré-sal com CPI daria em pizza. Não isolem a resposta dele. Na verdade, achei uma parte dessa reportagem uma tempestade em copo d´água. Porque crise já está aí. Essa resposta do Presidente no contexto em que foi dada, no meu ver, não aumenta nem diminui a crise. Apenas a oposição ficou magoada e resolveu criar esse teatro, fazendo-se de vítimas.

  35. Comentou em 16/07/2009 Jaime Collier Coeli

    Trata-se de procedimento estabelecido pelo moralizante Janio Quadros, capaz de parar o carro oficial da prefeitura em um sinal de tráfego, descer e dar voz de prisão a um motorista desconhecido, que contrariara as leis de transito. O importante, no caso, não é legalidade do ato, nem sua compustura, mas o escandalo que gera, atraindo a opinião pública. O atual exmo. senhor presidente da Republica federativa do Brasil evidencia elevada competencia na arte da propaganda. É um prazer descobrir que tem alguma competência, ainda que seja a custa de nossa imaculada pizza, tão popular. A questão agora é saber se a citada arte de fazer pizzas estabelece se as pizzas do Distrito Federal têm massa fina ou grossa. Lembro-me que há tempos era consumida com mostarda.

Programas Anteriores

1 2 3 4 5 última

1 de 2625 programas exibidos

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem